Cobrança de Luisão causa desconforto em Jorge Jesus, jogadores e diretoria no Benfica

LANCE!
·1 minuto de leitura


O episódio de irritação de Luisão, na derrota do Benfica para o Porto, na última quarta-feira, ainda é assunto em Lisboa. Segundo o jornal 'A Bola', o técnico Jorge Jesus, os jogadores e até parte da diretoria do Benfica ainda não aceitaram a bronca dada pelo brasileiro após o revés contra o rival.

> Confira as últimas novidades do mercado da bola

> Confira a tabela do Campeonato Português

Após ser derrotado pelo Porto por 2 a 0, em Aveiro, Luisão, que estava no banco de reservas no lugar do ex-diretor-geral Tiago Pinto, foi até o gramado e cobrou os jogadores de forma intensa, apontando o dedo para alguns jogadores.

Segundo o jornal português, a atitude não foi bem vista, principalmente porque Luisão também cobrou fortemente Rui Costa, diretor esportivo do clube. Jorge Jesus foi o responsável por acalmar os ânimos do brasileiro e minimizou o episódio na entrevista coletiva.

- Luisão não deu reprimenda alguma aos jogadores. Ele não gosta de perder, como não gosta o treinador nem os jogadores. Ele foi capitão de equipe durante vários anos, estava triste como estou eu, o Rui, e todos… Luisão deu uma opinião. Não deu qualquer repreensão aos jogadores. Disse que foi a primeira final que perdemos, que sirva para a gente aprender que Benfica é Benfica - disse o treinador português.