Clubes russos ficam fora da Champions, Rússia é substituída por Portugal na Eurocopa feminina

O Zenit de São Petersburgo não participará da Liga dos Campeões da próxima temporada, apesar de ter conquistado o título de campeão russo no último fim de semana (AFP/Isabella BONOTTO) (Isabella BONOTTO)

Os clubes russos não vão disputar competições europeias em 2022-2023, entre elas a lucrativa Liga dos Campeões, anunciou nesta segunda-feira a Uefa, que além disso decidiu substituir a Rússia por Portugal para a Eurocopa-2022 feminina deste verao europeu (6-31 julho) na Inglaterra.

"Nenhum clube russo participará da temporada 2022-2023 das competições entre clubes da Uefa", que começam em julho em suas rodadas preliminares, entre elas a Liga dos Campeões, Liga Europa e Liga Conferência, escreveu a Uefa em um longo comunicado no qual ele apresenta a lista de medidas tomadas contra a Rússia como resultado da invasão da Ucrânia.

Essas medidas contundentes afastam ainda mais o futebol russo do cenário internacional, já excluído no final de fevereiro pela Fifa da Copa do Mundo de 2022 que será disputada no Catar em novembro e dezembro. A seleção masculina russa, que chegou às quartas de final do Mundial de 2018 organizada na Rússia, tinha chances de classificação.

A decisão adotada nesta segunda-feira priva o Zenit São Petersburgo, que se sagrou campeão da Rússia em 2022, da classificação direta para a fase de grupos da próxima Liga dos Campeões.

jed/hpa/iga/aam

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos