Clubes ingleses de rugby são autorizados a retomar treinos mas sem contato físico

AFP
A estátua do jogador australiano Brian Bevan, que fica do lado de fora do Halliwell Stadium, sede da equipe do Warrington Wolves no norte da Inglaterra, em uma imagem de 14 de maio de 2020
A estátua do jogador australiano Brian Bevan, que fica do lado de fora do Halliwell Stadium, sede da equipe do Warrington Wolves no norte da Inglaterra, em uma imagem de 14 de maio de 2020

O Professional Game Board (PGB) do rugby inglês, que reúne representantes da federação, jogadores e clubes, deu sinal verde nesta terça-feira para a retomada dos treinamentos para os clubes da primeira e da segunda divisão.

No momento, trata-se apenas da "Fase 1" dos treinos, sem contato, em pequenos grupos e com rigorosas medidas de distanciamento social e de controle.

"Nenhum calendário foi dado aos clubes para um passo rumo à fase 2 (treinamento com contato, incluindo os 'tackles') ou a fase 3, o que envolveria o retorno da Premiership (primeira divisão)", afirmou o comunicado.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Os clubes ingleses gostariam de retomar a competição no final de julho. No momento, eles precisam assumir um certo número de compromissos por escrito, como dar a seus jogadores e treinadores um treinamento sobre as medidas a serem seguidas para a retomada.

Um "gerente COVID-19" e um "médico-chefe COVID-19" deverão ser nomeados em cada clube, enquanto medidas estritas de higiene serão impostas para o centro de treinamento.

Jogadores e os médicos também deverão ser avaliados diariamente.

Leia também