Claudiney Batista é bicampeão paralímpico no lançamento de disco

·1 minuto de leitura


Campeão na Rio 2016, Claudiney Batista confirmou favoritismo e conquistou mais uma medalha de ouro no lançamento de disco F56 nas Paralímpiadas de Tóquio. Neste domingo, o brasileiro bateu o próprio recorde paralímpico, com 45,59m para assegurar o lugar mais alto do pódio.

+ Judô: Alana Maldonado conquista medalha de ouro e Meg Emmerich fica com o bronze nas Paralimpíadas

Claudiney, que também foi medalha de prata em Londres 2012, também é dono do recorde mundial, com 46,68m. Na prova do ouro, o brasileiro fez o primeiro lançamento para 44,57m e melhorou a marca na quarta tentativa, com 44,92. Na quinta, elevou o número para 45,25m.

+ Mariana D'Andrea conquista o ouro no halterofilismo nas Paralimpíadas

Contudo, Claudiney guardou o melhor para o final e lançou o sexto e último disco para 45,59m. Yogesh Kathuniua, da India, ficou com a medalha de prata (44,38m) e Leonardo Diaz Aldana, conquistou o bronze (43m36m). O brasileiro foi o sétimo a entrar em ação na prova deste domingo.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos