Classificado! Artur marca no apagar das luzes e Bragantino avança na Sula

·4 minuto de leitura


O primeiro classificado para a próxima etapa da Copa Sul-Americana foi definido nesta terça-feira, 17. Jogando no Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista, o Bragantino recebeu o Rosario Central, pela volta das quartas de final da competição. Em vantagem, os donos da casa acharam o gol no apagar das luzes, vencendo por 1 a 0 e garantindo a classificação.

Aplicativo de resultados do LANCE! está disponível na versão iOS

COMEÇO CALMO...

Precisando de um triunfo, o Rosario Central, desde os primeiros minutos, tentava encontrar espaços para aproveitar os erros do Bragantino. Enquanto isso, os paulistas aproveitaram o fator casa para dificultar a vida dos adversários.

MARCO RUBEN CARRASCO?

Assim, a primeira jogada de perigo partiu dos argentinos, quando, aos 6, Marco Ruben mandou uma bomba da entrada da área. Cleiton espalmou. Na sequência, Vecchio pegou no meio, avançando ao ataque. Perto da área, Marco Ruben recebeu, partiu em velocidade e bateu cruzado para o gol, balançando as redes. Após revisão do VAR, o tento foi anulado.

RESPOSTA DO BRAGANTINO!

Após as investidas dos adversários, o Massa Bruta conseguiu responder à altura. Cuello lançou em direção a Ytalo, que não conseguiu acertar a bola. Artur até tentou, mas apenas ganhou o escanteio. Na cobrança, Praxedes cabeceou para fora.

QUASE!

Crescendo no duelo, o Bragantino teve nova oportunidade com Cuello. Artur puxou contra-ataque, mandando para Praxedes, que lançou para Ytalo ajeitaar para Cuello. O atacante, porém, bateu por cima do gol.

JOGO TRUNCADO E CHANCE DE OURO...

Com o Bragantino criando mais, o jogo ficou mais equilibrado. Sendo assim, o Rosario tentou se fechar mais e buscava a todo momento um contra-ataque. Contudo, o time pecou na finalização. Aos 41, Blanco cruzou fechado na área dos paulista. A bola atravessou, e os jogadores do time argentino se lançam, mas sem conseguir desviar. Como resposta, Cuello cruzou, e Artur mandou na trave.

VOLTA MOVIMENTADA!

Após o intervalo, o Rosario voltou com tudo, se lançando ao ataque e buscando assustar os adversários. Enquanto isso, com a vantagem a favor, o Bragantino se fechava cada vez mais.

PRAXEDES!

Sem se abrir tanto, o Bragantino encontrou espaço com Edimar. Aos 13, o jogador cruzou na área, e Praxedes apareceu para cabecear. Contudo, a bola foi no goleiro Broun. Quatro minutos depois, o meia perdeu a melhor oportunidade da segunda etapa. Raul lançou o camisa 25, que estava na cara do gol. O meia, porém, não conseguiu dominar e finalizou para fora.

CLEITON PROVIDENCIAL!

Apesar de explorar melhor as jogadas, o Bragantino sofreu um grande susto aos 23. Em jogada, Gamba ajeitou de cabeça para Vecchio, na entrada da área. O camisa 10 bateu para o gol, o goleiro Cleiton fez a defesa. Cinco minutos depois, Vecchio tentou de fora da área, mas a bola foi por cima.

EQUILÍBRIO E POUCAS CHANCES...

Na sequência, o duelo ficou ainda mais truncado. Contudo, o Bragantino seguiu com maior intensidade. Assim, aos 39, Luan Cândido, que mal tinha entrado, avançou e cruzou na área. Eric Ramires ia chegando, mas Broun cortou. Logo depois, Aderlan bateu cruzado de fora da área, exigindo uma boa defesa do arqueiro do Rosario.

PARA FORA, GOL E FIM DE JOGO!

O Rosario foi para o tudo ou nada. Contudo, sofreu bastante com um Bragantino completamente fechada. A chance de ouro foi no final, aos 47, quando Marco Ruben mandou para fora. A classificação foi confirmada no minuto seguinte. Em contra-ataque, Artur viu Broun adiantando e marcou de cobertura.

FICHA TÉCNICA
Bragantino 1 x 0 Rosario Central
Local:
Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP)
Data e hora: 17/08/2021 - às 19h15 (de Brasília)
Árbitro: Christian Ferreyra (Uruguai)
Assistentes: Martin Soppi (Uruguai) e Horacio Ferreiro (Uruguai)
VAR: Leodan Gonzalez (Uruguai)
Cartões amarelos: Raul, Praxedes, Artur, Lucas Evangelista e Hurtado (Bragantino); Damián Martínez, Ávila e Broun (Rosario Central)
Cartões vermelhos: -
Gols: -

BRAGANTINO (Técnico: Maurício Barbieri)
​Cleiton; Aderlan, Fabrício Bruno, Natan e Edimar (Luan Cândido, aos 37'/2ºT); Raul (Jadsom Silva, aos 24'/2ºT) , Lucas Evangelista e Praxedes (Eric Ramires, aos 37'/2ºT); Artur, Ytalo (Hurtado, aos 29'/2ºT) e Cuello (Helinho, aos 29'/2ºT);.

ROSARIO CENTRAL (Técnico: Kily González)
Broun; Damián Martínez (Marinelli, aos 36'/2ºT), Almada, Ávila e Blanco; Ojeda, Zabala, Vecchio e Luciano Ferreyra; Marco Ruben e Caraglio (Gamba, aos 21'/2ºT).

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos