Sistema de transferências da Fifa chega a 100 mil operações desde 2010

EFE

Redação Central, 20 mar (EFE).- O sistema de correlação de transferências internacionais da Fifa (ITMS) chegou ao número de 100 mil operações internacionais processadas desde a sua implantação de forma obrigatória, em 2010, e a sua aplicação também nas transferências de jogadoras profissionais de futebol, desde o começo deste ano.

"Desde o dia 1º de outubro de 2010, data na qual o ITMS se tornou requisito obrigatório para todas as transferências internacionais de jogadores profissionais de futebol de todo o mundo, as transferências presentes no sistema abrangem um total de 50.142 jogadores, 6.837 clubes e 199 das 211 federações que integram a Fifa", disse a organização em comunicado.

Para a federação, o sistema fomenta a transparência, a integridade e a governança no mercado de contratações e trabalha diretamente com as 211 federações e confederações internacionais e com mais de 7 mil clubes. Estes recebem assistências nas transferências e ajudas para garantir que quem participam das operações envolvendo menores cumprem com o Regulamento sobre o Estatuto e a Transferência de Jogadores da Fifa.

A entidade ainda destacou que, diante do crescimento das transferências registradas pelo ITMS, mantém o seu compromisso de aumentar a integridade no mercado de contratações e garantir que o movimento internacional de jogadores e jogadoras profissionais se realize de forma transparente e em igualdade de condições para todo mundo. EFE


Leia também