Em clássico com expulsões, Goiás vence Atlético-GO e dorme na liderança

Perseguindo a liderança do Grupo A do Campeonato Goiano, o Goiás visitou o Atlético-GO em um dos maiores clássicos do Estadual e aprontou. Com gols de Tiago Luís e Carlos Eduardo, o Esmeraldino bateu o rival por 2 a 1.

A partida começou disputada desde o início. Com 2 a 0 no placar, o Goiás teve o zagueiro Everton Sena expulso. Na sequência, o Dragão diminuiu com Jorginho. No entanto, o time da casa teve Junior Viçosa e Betinho expulsos nos últimos minutos e não teve forças para buscar o empate.

A vitória coloca o Goiás na liderança do Grupo A do Goianão, ultrapassando o Vila Nova, ambos com 17 pontos. No entanto, o rival entra em campo no próximo domingo e pode retomar o primeiro lugar. Enquanto isso, o Atlético, mesmo com a derrota, manteve a segunda colocação do Grupo B, com 14 pontos somados. Na próxima rodada, o Goiás recebe o Anápolis, já o Atlético visita o Crac.

O jogo – Jogando no Serra Dourada, com o mando do Atlético, o Goiás mostrou estar com a pontaria em dia e surpreendeu no primeiro tempo.

Aos nove minutos, o Esmeraldino mostrou que jogaria para cima. Depois de bobeada da zaga, Carlos Eduardo aproveitou e chutou de perna direita, mas mandou nas mãos de Kléver. O Dragão até chegou a responder, minutos depois, mas pecou na finalização – o que aconteceu em boa parte do jogo.

O Goiás abriu o placar em bela jogada do setor ofensivo. Juan foi à linha de fundo, cortou o marcador e cruzou na cabeça de Tiago Luís, que só escorou para balançar as redes: 1 a 0. O Esmeraldino ainda assustou nos acréscimos. Juan cobrou falta no travessão e, no rebote, Fábio Sanches jogou para fora.

O Verdão voltou para a segunda etapa e logo ampliou. Juan deu belo passe para o atacante Carlos Eduardo, que chutou na saída do goleiro e fez o segundo gol.

Com 2 a 0 contra, parecia que o jogo estava acabado para o time da casa, mas, aos 17 minutos, tudo mudou. O zagueiro Everton Sena entrou com o pé alto na disputa de bola com Luiz Fernando e foi expulso. Poucos minutos depois, já com um jogador a mais em campo, o Dragão diminuiu.

Em um lance confuso, Abuda chutou para a defesa de Marcelo Rangel. No rebote, Jorginho só teve o trabalho de empurrar para o fundo das redes: 2 a 1.

A reação do Dragão, no entanto, durou pouco. Aos 28 minutos, o atacante Junior Viçosa fez falta dura em Bambu e levou o cartão vermelho. Já nos últimos minutos, muito perdido em campo, o Dragão teve o volante Betinho expulso após acabar com o contra-ataque do time adversário. Com dois jogadores a mais, o Goiás caminhou tranquilo para conquistar a vitória e os três pontos.