Clássico dos Milhões agita capital amazonense

Na partida de ida, com portões fechados, melhor para o time cruzmaltino; NBL ressalta importância de expandir a nacionalidade

O clássico entre Flamengo e Vasco da Gama ocorre neste sábado, às 14h, na Arena Amadeu Teixeira, em Manaus (AM). A partida será transmitida pela Band e SporTV. Em um palco longe da Cidade Maravilhosa, os clubes foram recebidos de braços abertos pelo Secretário Estadual de Esportes do Amazonas, Fabrício Lima.

- Agradecer pela oportunidade. Receber Flamengo e Vasco aqui não passava nem pelos nossos sonhos. Não tenho dúvidas da grandeza dos clubes, da LNB e do basquete brasileiro. O povo do Amazonas se sente honrado. Não tenham dúvidas de que será um grande evento. Podem esperar um calor humano muito grande e um grande espetáculo.

O Clássico dos Milhões será a primeira partida do NBB realizada no Norte do país. Há pouco mais de uma semana, a Liga Ouro teve a cidade de Macapá (AP) como palco de sua abertura. A partida entre Santos (AP) e Botafogo (RJ) também foi transmitida ao vivo pelo #NBBnaWeb via Facebook.

- Hoje, a Liga Nacional de Basquete (LNB) consegue abraçar todas as cinco regiões do Brasil. Isso é um orgulho muito grande, pois conseguimos isso em oito anos de trabalho. Não tenho dúvidas de que será uma festa maravilhosa. Certamente o povo manauara está muito empolgado, então nada melhor que um clássico fantástico como Flamengo e Vasco - disse Guilherme Buso, gerente de comunicação da LNB.

Com campanha de 16 triunfos em 22 partidas (72,6% de aproveitamento), o Flamengo é o líder do NBB. No entanto, o Mogi das Cruzes/Helbor, com 17 triunfos em 24 jogos, torce por uma derrota dos rubro-negros para herdar a ponta da tabela. O técnico no Mengo, José Neto, no entanto, afirma que não houve uma preparação especial para o clássico.

- Seria um erro muito grande nos prepararmos mais para um jogo ou outro. Somos líderes e queremos continuar sendo. Baseado nisso nos preparamos para vencer todos os jogos. O NBB está muito parelho e uma derrota pode custar muito caro. O Vasco é uma das poucas equipes que nos derrotou no primeiro turno. Entraremos muito focados para que esse resultado seja revertido.

Do outro lado, o Vasco da Gama ocupa a nona colocação e precisa vencer para não correr o risco de ser ultrapassado pelo Paulistano/Corpore. Com campanha de 12 vitórias em 23 partidas (52,2% de aproveitamento), o Gigante da Colina quer igualar a campanha do oitavo colocado, Campo Mourão. Porém, mesmo que consiga o resultado positivo, não ultrapassará o time do Paraná, pois perde no desempate por confronto direto.

- Sabemos que é um jogo diferente, não há como mentir. É um jogo que envolve dois clubes grandes, que almejam muito esse tipo de vitória. Sabemos da responsabilidade que temos, mas também há um lado racional, que pensamos ao longo do campeonato. O campeonato não é decidido em jogos de classificação, mas é claro que é importante vencer para questões de mando de quadra nos playoffs. Estamos muito motivados, principalmente com duas torcidas, não temos dúvidas de que será um grande espetáculo - comentou Dedé Barbosa, técnico do Vasco.

O clássico deste sábado, em Manaus, será mando do Flamengo, que terá 70% da carga de ingressos destinada à sua torcida. Os rubro-negros terão direito a metade da arquibancada superior e a todo o anel inferior. Já o Vasco, que terá direito aos outros 30%, ficará com a outra metade da arquibancada superior da Arena Amadeu Teixeira.

Estarão disponíveis para compra quatro setores e os preços dos ingressos variam de R$40 a R$150, com preço de meia-entrada: arquibancada superior (R$40), arquibancada inferior (R$60), cadeira de quadra de fundo (R$120) e cadeira de quadra lateral (R$150).


















E MAIS: