Com lesão no joelho, meia islandês Sigurdsson vira dúvida para Copa do Mundo

EFE

Londres, 12 mar (EFE).- O meia-atacante islandês Gylfi Sigurdsson, do Everton, pode ficar fora da Copa do Mundo da Rússia 2018 devido a uma lesão no joelho.

Em um breve comunicado divulgado nesta segunda-feira, clube inglês informou que Sigurdsson "será tratado nesta mesma tarde por um especialista", embora a previsão seja de que o jogador ficará fora durante "várias semanas".

"Gylfi Sigursson será tratado por um especialista nesta tarde para determinar um tempo de recuperação para a lesão de joelho que sofreu no sábado durante a vitória sobre o Brighton, em Goodison Park", informou o clube.

"Tudo indica que o jogador da seleção islandesa ficará fora dos gramados durante várias semanas. No entanto, não poderemos determinar um tempo de ausência específico até que seja tratado pelo especialista", acrescenta a nota.

Sigurdsson, que chegou no ano passado ao Everton vindo do Swansea City por 45 milhões de libras - recorde do clube -, sofreu uma pancada no joelho na vitória sobre o Brighton, embora tenha ficado em campo durante os 90 minutos.

Se os piores prognósticos se confirmarem, o talentoso meia-atacante perderá o resto da temporada e será séria dúvida para a Copa do Mundo.

A Islândia, que fará sua primeira participação em Mundiais, está no Grupo D, ao lado de Argentina, Croácia e Nigéria.

A seleção dirigida por Heimir Hallgrímsson estreia no dia 16 de junho contra a Argentina, em Moscou, antes de enfrentar a Nigéria, em Volgogrado (22 de junho), e a Croácia, em Rostov (26 de junho). EFE

jp/cs


Leia também