City estuda investir £200 milhões no próximo verão e mira centroavantes; Haaland é um dos alvos

Nathalia Almeida
·1 minuto de leitura

Ao que tudo indica, podemos esperar uma 'farra de contratações' por parte do Manchester City no próximo verão. A renovação contratual de Pep Guardiola é um indicativo de que o clube vai por mais nos anos que virão e, para atender as demandas do técnico catalão, a diretoria inglesa está ciente de que precisará fazer novos grandes investimentos em breve.

De acordo com a apuração do jornal 'The Telegraph', o atual vice-campeão da Premier League está disposto a investir aproximadamente £200 milhões (R$ 1,4 bilhão) em contratações na janela de junho, tendo o comando do ataque como principal prioridade de mercado neste momento. O foco do clube em buscar homens de referência é um indicativo de que, neste momento, a situação do ídolo Sergio Agüero pende mais para o adeus: o camisa 10 tem contrato com o clube somente até meados de 2021 e, até agora, ainda não acertou uma renovação de vínculo.

Manchester City v Newcastle United - Premier League | James Gill - Danehouse/Getty Images
Manchester City v Newcastle United - Premier League | James Gill - Danehouse/Getty Images

Ainda de acordo com a fonte citada, os dois nomes que estão no topo da lista de interesses do City são: Erling Haaland, norueguês de 20 anos que pertence ao Borussia Dortmund; e Romelu Lukaku, belga de 27 anos que defende a Inter de Milão. Somados, os dois centroavantes são avaliados em €190 milhões, de acordo com o site Transfermarkt. Em termos genéricos, uma suposta investida pelo camisa 9 do time italiano tem a ser mais fácil, já que a concorrência por Haaland tende a ser acirradíssima no verão.

ACF Fiorentina v FC Internazionale - Coppa Italia | Giuseppe Bellini/Getty Images
ACF Fiorentina v FC Internazionale - Coppa Italia | Giuseppe Bellini/Getty Images

Para além de um camisa 9, o Manchester City também mapeia o mercado por reforços para outros dois setores: o meio-campo defensivo e a lateral-esquerda.