Cinco coisas para prestar atenção no Vasco contra o CSA

·1 minuto de leitura


O Vasco enfrenta o CSA nesta quarta-feira. A semana é de troca no comando técnico. Marcelo Cabo saiu, Lisca vai assumir e, enquanto isso, o time cruz-maltina tenta subir na tabela da Série B. Mas há coisas a se observar neste jogo da 13ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

- Arthur Sales: autor da assistência para o gol do empate no último domingo, no apagar das luzes, o atacante é treinado pelo técnico Alexandre Gomes quando está com o time sub-20. O conhecimento do treinador interino pode dar mais tempo de jogo ao jogador.

- Jovens do meio-campo: o setor central tem sido o drama maior do Vasco na temporada. No último jogo, por exemplo, Galarza e MT foram substituídos no intervalo.

-> Confira a tabela da Série B do Campeonato Brasileiro

- Laterais: com a suspensão de Léo Matos, Cayo Tenório é, em tese, o substituto natural. Mas só em tese. Destro, o lateral-esquerdo Zeca pode ser deslocado, abrindo espaço para Riquelme.

- Sistema tático: Marcelo Cabo começou a temporada no 4-2-3-1, o time evoluiu no 4-4-2, mas, no segundo tempo do último jogo, trocou para o 4-3-3. Veremos a escolha de Alexandre Gomes.

- Quem ajuda o Cano: não é de hoje que o argentino é a solução do ataque do Vasco. O problema é que quando o centroavante não consegue brilhar, como contra o Náutico, a participação recente de outros jogadores tem sido rara.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos