Cidade da Bélgica quer derrubar estátua do rei e colocar zagueiro do Tottenham no lugar

Goal.com

O zagueiro Toby Alderweireld disse ter ficado "honrado" após saber que moradores de Ekeren, cidade da Bélgica onde morou quando era mais novo, querem colocar uma estátua dele no lugar da do rei Leopoldo II.

Estátuas do antigo rei foram derrubadas ao redor do país europeu em meio à onda de protestos antirracistas que rodaram o mundo após o assassinato de George Floyd por um policial nos Estados Unidos.

Em Ekeren, quase mil pessoas já assinaram o documento que pede que o jogador do Tottenham ganhe uma estátua e que a de Leopoldo, que autorizou atrocidades no Congo entre 1885 e 1908, seja retirada. 

"Eu dei risada. Pensei que fosse algum tipo de brincadeira que as pessoas estavam assinando a petição", afirmou Alderweireld ao jornal inglês Guardian. 

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

"Devo dizer que também estou um pouco honrado. É uma cidade pequena da Bélgica, onde morei parte da minha juventude, até fazer 15 anos. Estudei lá e ainda hoje volto. Se eles realmente quiserem, eu jamais diria não, porque ficaria honrado. Mas não vou assinar minha própria petição. Acho que de todas as pessoas que vivem lá, 80% são minhas amigas". 

O zagueiro dos Spurs e da seleção belga preferiu evitar polêmica sobre a retirada da estátua do rei. "Não sei se é bom derrubar a estátua e não vou me envolver nisso, mas acho que é bom olhar para a história e aprender com ela", afirmou.

No fim, Alderweireld voltou a manifestar surpresa com a possível homenagem. "Eu nunca diria: 'é um bom momento para erguer uma estátua minha', porque acho que nunca vou merecer uma estátua", concluiu. 

Leia também