Ciclista francés Rémy Di Gregorio é suspenso por quatro anos por doping

AFP
O ciclista Rémy Di Gregorio, durante o percurso Paris-Nice, no dia 6 de março de 2016
O ciclista Rémy Di Gregorio, durante o percurso Paris-Nice, no dia 6 de março de 2016

O ciclista francês Rémy Di Gregorio, suspenso preventivamente desde abril de 2018 por ter testado positivo para EPO, foi sancionado nesta segunda-feira com uma suspensão de quatro anos pela International Cycling Union (UCI).

A sanção ao ex-membro da equipe Delko-Marselha Provence conta desde seu exame positivo em 8 de março de 2018 em Paris-Nice e termina no dia 7 de março de 2022, de acordo com a lista atualizada de pilotos sancionados pela UCI publicada nesta segunda.

Excluído do Tour de France de 2012 por suspeita de doping e acusado de posse de material proibido, Di Gregorio foi condenado em julho de 2018 a um ano de prisão temporária.

Sua detenção em 10 de julho de 2012 em Bourg-en-Bresse, em um dia de folga do Tour, levou à suspensão e depois à expulsão da equipe na qual ele competia, a Cofidis.

Em 2013, ele foi autorizado a concorrer novamente, e se juntou à equipe Delko-Marselha Provence.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também