Ciclismo: Henrique Avancini retorna para a Caloi após oito anos

· Além do maior nome da modalidade, a equipe terá os atletas Sabrina Oliveira, Cainã Oliveira e Ulan Galinski (Crédito: Divulgação/Felipe Almeida)


Henrique Avancini está de volta à equipe Caloi. Após oito temporadas, o atleta voltará a competir pela marca que o projetou internacionalmente para o maior desafio de sua carreira: construir um time brasileiro de fábrica forte no cenário do mountain bike mundial. A equipe Caloi/Henrique Avancini Racing participará nos próximos anos de todas as grandes competições do MTB.

- Por trás dessa mudança existia uma motivação muito grande, um desejo de renovação, de realmente buscar algo que fosse ambicioso para mim, que tivesse um significado grande para o esporte. Após o término do meu relacionamento profissional anterior, eu analisei as possibilidades, as propostas que tinha, e escolhi pelo caminho que talvez represente o maior desafio e também a maior chance de deixar algo significativo na minha carreira e no esporte do Brasil. Minha decisão foi pautada em deixar algo grande, mais do que qualquer coisa que as pessoas possam pensar ou imaginar. As minhas escolhas recentes foram motivadas pensando em dar o próximo passo adiante para minha carreira. Então, antes de mais nada, tudo que essa nova parceria representa para mim significa estar dando um passo a mais na minha carreira - diz Avancini, único ciclista brasileiro a ter conquistado um título de campeão mundial.

Avancini é o grande reforço nas pistas da Caloi/Henrique Avancini Racing, mas fora delas a equipe também está muito mais forte. Houve um crescimento no investimento em todos os pontos para que os atletas possam brigar por grandes conquistas na temporada. Além de toda a estrutura que a equipe já disponibilizava no Brasil, que é referência nacional, os ciclistas também contarão com grande respaldo nas competições internacionais, com organização nunca antes proporcionada aos atletas brasileiros.

Em Petrópolis (RJ), onde fica localizado o Race Service da equipe, há uma estrutura de alta performance com academia, sala de recuperação e fisioterapia, além de abrigar toda a parte de oficina e também o motorhome, que acompanha os atletas nas principais provas pelo País. Na cidade também há uma casa próxima ao local para os atletas residirem. E tudo isso ganhou agora o reforço de profissionais que atuarão no exterior para as competições internacionais. Uma equipe com experiência no mercado de MTB foi montada na Europa para o time Caloi / Henrique Avancini Racing. Além desses profissionais, uma estrutura similar à existente no Brasil foi desenvolvida para atender os atletas e staffs em períodos de treinos e provas.

- Fizemos um trabalho muito bom a nível nacional, com um time muito sólido, um time que vem agregando conhecimento, experiência, capacidade operacional ao longo dos anos. Meu grande objetivo foi duplicar isso, de uma forma que a gente pudesse ter a mesma qualidade de trabalho no Brasil e também na Europa. Que tivéssemos um time de staff que pudesse suportar um calendário do Brasil e no exterior, fazendo uma operação mista. Nós precisamos ter uma organização logística muito consolidada, um calendário muito bem pensando e, como sempre, eu gosto de trabalhar com pessoas que realmente façam parte do time, que tenham um vínculo contínuo com a equipe em todos os aspectos, em todas as ocupações, e dessa forma tanto os atletas, quanto os staffs, possam crescer. É uma escola, gerar conhecimento interno, gerar experiência, gerar algo que fica para o MTB brasileiro, que é a capacitação profissional desses atletas e profissionais em suas respectivas funções. Isso é uma proposta realmente desafiadora por toda complexidade que traz, mas é algo que eu acredito que possa deixar uma grande marca no mountain bike brasileiro - explica Avancini.

Lançada em 2015, a equipe Henrique Avancini Racing nasceu com o objetivo de lapidar jovens promissores atletas. Em 2023, com o terceiro ano de patrocínio da Caloi, o foco agora é de grandes conquistas e para isso montou um time heterogêneo, com atletas em diferentes fases da carreira.

Sabrina Oliveira, que foi campeão brasileira sub-23 no ano passado, é a representante feminina. Ela e Cainã Oliveira, que também se destacou no cenário brasileiro ano passado, são os mais jovens, com 20 anos. Ambos são remanescentes do time de 2022, assim como Ulan Galinki. O atleta baiano, de 25 anos, irá para sua terceira temporada no time Caloi após grandes conquistas no Brasil e até se destacar em importantes competições internacionais, como o Campeonato Mundial em 2022. Avancini, maior nome da história do ciclismo brasileiro, fecha a equipe.

Eduardo Rocha, CMO da Caloi, acredita que esse é um momento único para o mountain bike brasileiro. Em 2012, ele foi o principal responsável por contratar Henrique Avancini para a então Caloi Elite Team. Para esse retorno do atleta, ele comenta os objetivos da empresa com o novo projeto da Caloi / Henrique Avancini Racing.

- O desafio de trazer o Henrique de volta à equipe Caloi foi enorme, mas era obrigação nossa fazer isto acontecer. Em 2012 iniciamos nossa parceria e, literalmente, transformamos o MTB no Brasil. Elevamos o nível do esporte em todos os aspectos, dentro e fora das pistas. Trouxemos tecnologia do mercado global para as nossas bicicletas, possibilitando acesso ao consumidor em produtos de última geração. E o Avancini ajudou muito a Caloi neste desenvolvimento. Agora, para 2023, pretendemos ter outra revolução positiva no País. Queremos colocar o Brasil como referência, fortalecendo mais uma vez o mercado nacional e abrindo novos horizontes para toda a cadeia: marcas, atletas, lojistas, todos que estão envolvidos no mundo da bike de alguma forma. Nossos desafios estão nos detalhes. Henrique é perfeccionista e para ele e toda equipe performar seremos impecáveis nos produtos e na estrutura que estamos montando. Esse é mais um grande processo para desenvolvermos atletas para a próxima geração do mountain bike brasileiro - diz Rocha.

A equipe Caloi / Henrique Avancini Racing correrá a temporada com a bicicleta que tem a geometria do quadro da Caloi Elite FS Carbon. A construção da bike foi desenvolvida 100% pelo time de engenharia da empresa com a ajuda de feedbacks dos atletas.

- Focamos em reduzir o máximo possível da matéria prima do carbono sem que afetasse a resistência e rigidez, e assim conseguimos construir um quadro 250 gramas mais leve do que o modelo anterior. No grafismo da bike trouxemos as cores icônicas da equipe, porém agregando o mínimo possível de peso. Desenvolvemos então um verniz na cor azul com uma porcentagem de translucidez que possibilita enxergar as fibras de carbono, com o logo da Caloi com as três cores que representam a equipe. Tudo isso agregando apenas 65 gramas ao peso total da bike - explica Marcos Ribeiro, Gerente de Desenvolvimento e Produto da Caloi.

Além da Caloi, a equipe Caloi / Henrique Avancini Racing tem também como patrocinadores Shimano, Fox, Vittoria, Z2, 9thWave, Oakley, Strava, Lazer, AminoVital, Ceramicspeed, Pimenteira Imperial, Vorr, Greenpeople, Bauerfeind, Barbedo, SeMexe, Fizik, Morgan Blue e RDR.