China impõe limite de 90 minutos diários para jovens jogarem videogames

Márcio Pacheco
Divulgação
Divulgação

O governo da China anunciou uma série de novas restrições para crianças e jovens menores de 18 anos que incluem limite de horas para jogar videogames por dia e até um “toque de recolher” para jogadores (via CNN).

Os jovens terão apenas 90 minutos por dia para jogarem durante a semana, até às 22h, horário que inicia o toque de recolher onde fica proibida a jogatina de títulos online até às 8h.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Nos finais de semana e feriados o tempo é maior e os jovens poderão jogar três horas diárias.

As novas regras também impõe um limite de gastos com jogos online de US$ 29 (R$ 118) por mês se tiver entre oito e 16 anos, e US$ 57 (R$ 232) entre 16 e 18 anos.

Segundo o governo do Partido Comunista do presidente Xi Jinping, as novas regras servem para combater “um vício que está danificando a saúde física e mental de menores”, um problema que as autoridades acreditam ser o responsável pelo aumento da miopia e pelo baixo desempenho acadêmico em uma ampla faixa da sociedade.

Os limites são a mais recente tentativa do governo de controlar a indústria de jogos online da China, uma das maiores do mundo, que gera mais de US$ 33 bilhões em receita anual e atrai centenas de milhões de usuários.

Leia também