China acende chama olímpica em Pequim para Jogos de Inverno

·1 min de leitura
Cerimônia de chegada da chama olímpica em Pequim

Por Yew Lun Tian

PEQUIM (Reuters) - A China acendeu sua chama olímpica nesta quarta-feira após a chegada da tocha cerimonial, que saiu de Atenas até Pequim para a realização dos Jogos de Inverno de 2022, em fevereiro, na capital chinesa.

Pequim sediará os Jogos de 4 a 20 de fevereiro, tornando-se a primeira cidade a sediar as Olimpíadas de Verão e de Inverno. Ainda em meio à pandemia de Covid-19, a entrada de espectadores estrangeiros não será permitida.

O chefe do Partido Comunista de Pequim, Cai Qi, acendeu uma pira com uma chama que partiu de Atenas em 19 de outubro e viajou para Pequim em uma lanterna vermelha projetada na forma de um artefato de tumba da Dinastia Han, carregada por condutores da tocha olímpica vestidos de branco.

A chama olímpica estará em exibição no Parque Olímpico de Pequim a partir desta quarta-feira.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos