Nadal e Djokovic avançam à 3ª rodada do Masters 1000 de Monte Carlo

EFE

Redação Central, 18 jul (EFE).- O espanhol Rafael Nadal deu início nesta quarta-feira a tentativa de conquistar pela 11ª vez o título do Masters 1000 de Monte Carlo, com vitória sem qualquer dificuldade sobre o esloveno Aljaz Bedene.

O atual número 1 do ranking mundial levou a melhor sobre o adversário, 58º colocado da classificação, por 2 sets a 0, com parciais de 6-1 e 6-3. O duelo teve uma hora e 18 minutos de duração.

Este é apenas o segundo torneio individual que Nadal disputa na temporada, depois do Aberto da Austrália, em que abandonou nas quartas de final, por sofrer lesão na coxa direita. Além disso, o espanhol participou de duas partidas da Copa Davis.

O melhor do mundo no momento encarará na terceira rodada o russo Karen Khachanov, 38º do ranking, que passou pelo francês Gilles Simon por 2 sets a 0, com duplo 6-2.

Também nesta quarta-feira, o sérvio Novak Djokovic precisou de dez match points para conseguir superar o croata Borna Coric, e avançar assim para a terceira rodada. O ex-número 1 do mundo e nono cabeça de chave do torneio levou a melhor sobre o adversário por 2 sets a 0, com parciais de 7-6 (2) e 7-5.

Após eliminar o compatriota Dusan Lajovic, na estreia, o campeão em Monte Carlo em 2013 e 2015, teve muito trabalho, desperdiçando nove bolas para fechar o jogo, sete em um interminável décimo game, em que tinha o serviço e durou quase 12 minutos.

Depois disso, Djokovic teve serviço quebrado, mas logo conseguiu dar o troco em Coric, fazendo 6-5. Em seguida, o sérvio conseguiu encaminhar o jogo até o décimo match point, em que, enfim, fechou a partida.

Agora, o ex-número 1 terá pela frente o austríaco Dominic Thiem, quinto cabeça de chave da competição, que se classificou ontem, ao derrotar o russo Andrey Rublev por 2 sets a 1, com 5-7, 7-5 e 7-5.

Segundo cabeça de chave, o croata Marin Cilic levou a melhor hoje sobre o espanhol Fernando Verdasco em sets diretos, fechando jogo com 6-3 e 7-6 (4). O terceiro do ranking pegará agora o canadense Milos Raonic, 14º favorito, que hoje passou pelo italiano Marco Cecchinato, com 7-6 (5) e 6-2.

O espanhol Roberto Bautista, cabeça de chave número 11, superou o compatriota Feliciano López por 2 sets a 0, com 6-3 e 7-6 (5) e agora pegará o belga David Goffin, sexto favorito, que ontem eliminou o grego Stefanos Tsitsipas, com 7-6 (4) e 7-5.

Quatro tenistas melhores ranqueados se despediram hoje do torneio, com destaque para o argentino Diego Schwartzman, décimo cabeça de chave, que perdeu para o francês Richard Gasquet em dois sets, 6-2 e 6-1. Também caíram o italiano Fabio Fognini (13º) e o espanhol Albert Ramos (15º).


Resultados desta quarta-feira do Masters 1000 de Monte Carlo, torneio de tênis válido pelo circuito profissional masculino, disputado no saibro e que distribui 4.872.105 euros em prêmios:.


Simples, segunda rodada.

Roberto Bautista (ESP, 11) venceu Feliciano López ( ESP) por 6-3 e 7-6 (5).

Kei Nishikori (JAP) venceu Daniil Medvedev (RUS) por 7-5 e 6-2.

Karen Khachanov (RUS) venceu Gilles Simon ( FRA) por 6-2 e 6-2.

Novak Djokovic (SER, 9) venceu Borna Coric (CRO) por 7-6 (2) e 7-5.

Philipp Kohlschreiber (ALE) venceu Albert Ramos ( ESP) por 6-4 e 6-2.

Jan-Lennard Struff (ALE) venceu Fabio Fognini (ITA, 13) por 6-4 e 6-2.

Richard Gasquet (FRA) venceu Diego Schwartzman (ARG, 10) por 6-2 e 6-1.

Rafael Nadal (ESP, 1) venceu Aljaz Bedene (ESL) por 6-1 e 6-3.

Andreas Seppi (ITA) venceu Guillermo García-López (ESP) por 4-6, 6-3 e 7-5.

Milos Raonic (CAN, 14) venceu Marco Cecchinato (ITA) por 7-6 (5) e 6-2

Marin Cilic (CRO, 2) venceu Fernando Verdasco (ESP) por 6-3 e 7-6 (4). EFE


Leia também