Chelsea sem Willian e Pedro no fim da temporada? Indefinição pode trazer problemas na Premier League

Goal.com

Enquanto os torcedores do Chelsea comemoram a iminente chegada de Timo Werner e ainda esperam mais jogadores para o segundo semestre, algumas saídas podem atrapalhar os planos de Lampard para o final desta temporada. Willian e Pedro são os dois principais nomes.

Conforme apurado pela Goal, o atacante espanhol deve deixar os Blues após acertar um pré-contrato com a Roma, da Itália, podendo desfalcar o Chelsea pelo restante da temporada. O jogador de 32 anos aceitou um contrato de dois anos com os italianos, que inclui uma opção de renovação por mais um ano, após recusar propostas de Real Betis, Vissel Kobe e Inter Miami.

O ex-Barcelona conversou com Paulo Fonseca, técnico da Roma, em várias ocasiões sobre a mudança, e deve seguir para a capital italiana nas próximas semanas. Como diversas fontes contaram à Goal, Pedro pode ou não permanecer no Chelsea até o final da temporada, com as negociações ainda em andamento.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

A situação de Willian é parecida. Em fim de contrato com o clube, o brasileiro ainda discute sua permanência até o final desta temporada, algo que deve ser decidido até a próxima terça-feira (23), prazo estipulado pela Premier League.

A dupla estará presente na partida contra o Aston Villa, neste domingo (21). Depois, por contrato, eles seriam obrigados a enfrentar Manchester City e Leicester, se selecionados, antes do final de junho. Mas a partir de 1º de julho estariam livres.

Até o fim da temporada, o Chelsea ainda tem mais nove partidas pela Premier League e mais três confrontos pela FA Cup, caso chegue até a final do torneio. Lampard está interessado em contar com a dupla para todos os confrontos, mas essa decisão não depende dele.

Enquanto isso, os Blues esperam resolver logo a negociação com Timo Werner. A Liga dos Campeões anunciou seu retorno para agosto, mas Werner declarou que não pretende mais jogar a competição pelo Leipzig, a fim de antecipar sua ida para Londres. Porém, Julian Nagelsmann, técnico do clube alemão, ainda espera contar com seu principal atacante para o torneio europeu. 

Em meio às indefinições, o Chelsea se prepara para retornar neste domingo e seguir buscando uma vaga na próxima edição da Champions League. Com 48 pontos, a equipe de Lampard ocupa a quarta colocação na tabela, três pontos à frente do Manchester United, quinto colocado.

Leia também