Chelsea segura pressão, elimina o Barça e está na final da Liga dos Campeões

EFE

Redação Central, 24 abr (EFE).- Foi no sufoco, mas o Chelsea conseguiu conter a força do ataque do Barcelona, empatou em 2 a 2 no estádio Camp Nou e, beneficiado pelo critério de gols fora de casa, se classificou nesta terça-feira para a final da Liga dos Campeões.

Derrotado por 1 a 0 no jogo de ida, em Londres, o time espanhol precisava vencer por dois gols de diferença ou devolver o placar para levar o confronto para a prorrogação.

Contudo, os ingleses se defenderam de todas as formas e se colocaram na segunda decisão de 'Champions' de sua história, quatro anos depois de ter sido vice-campeão para o Manchester United. O adversário da final, marcada para 19 de maio, na Allianz Arena, será decidido nesta quarta, entre Real Madrid e Bayern de Munique, que na ida levou a melhor: 2 a 1.

O Barça marcou o primeiro aos 35 minutos do primeiro tempo. Após a cobrança de escanteio de Fàbregas, Daniel Alves tocou para o meio até Cuenca. Com o goleiro Cech já vendido na jogada, o jovem atacante apenas empurrou para a rede.

Logo na sequência, o time da casa ficou com um homem a mais. Em lance isolado e sem bola, o zagueiro Terry acertou uma joelhada em Alexis Sánchez e recebeu o cartão vermelho.

Com um a mais, a equipe catalã conseguiu fazer 2 a 0, resultado que a classificaria. A bola foi de pé em pé no ataque até chegar a Messi, que tocou para Iniesta. Livre nas costas da zaga, o meia tocou na saída de Cech e ampliou, aos 43 minutos.

Mas não houve muito tempo para a torcida comemorar. Aos 45, Ramires partiu livre pela direita, percebeu Valdés andiatado e o encobriu com um lindo toque, fazendo o tão importante gol como visitante.

O terceiro do Barcelona poderia ter saído aos dois minutos da etapa final, quando Drogba, tentando ajudar a zaga, derrubou Fàbregas dentro da área. No entanto, Messi carimbou o travessão ao cobrar o pênalti.

Nos acréscimos, depois que os anfitriões já haviam tido gol anulado e mandado bola na trave, Fernando Torres foi lançado no contra-ataque e, sem marcação, driblou Valdés e completou para o gol vazio, empatando o jogo. EFE

Exibir comentários (300)
Os sites do Yahoo Esportes e do Esporte Interativo agora estão separados. Por favor, escolha qual deseja acessar:
  • Napoli procura Tévez para substituir Higuain

    Napoli procura Tévez para substituir Higuain

    Atacante do Boca Juniors pode reforçar o time de Nápoles. Carlos Bacca também é especulado Mais »

    Goal.com - 8 minutos atrás
  • Ídolo do Manchester United, Paul Scholes questiona valor de Pogba

      A possível ida de Paul Pogba para o Manchester United, naquela que seria a maior transação da história do futebol mundial divide opiniões, principalmente com relação aos valores envolvidos. Ídolo dos Red Devils, Paul Scholes, atualmente auxiliar técnico de José Mourinho, questionou o preço a ser pago pelo meio-campo francês, comparando-o com Messi e […] Mais »

    Gazeta Press - 19 minutos atrás
  • Especulado no Arsenal, Mahrez ficará no Leicester, garante técnico

      Campeão do Campeonato Inglês na última temporada e eleito o melhor jogador da competição, Riyad Mahrez permanecerá no Leicester, garantiu o técnico da equipe Claudio Ranieri. O treinador italiano destacou a felicidade do jogador no time e ressaltou que seria melhor para o meia ficar nos Foxes do que ir para um grande clube […] Mais »

    Gazeta Press - 49 minutos atrás
  • Camisas de Higuaín são destruídas após ida para a Juventus

    A transferência de Gonzalo Higuaín para a Juventus não foi bem digerida pela torcida do Napoli. Horas depois do anúncio da saída do atacante argentino, consumada no último sábado, torcedores do clube do sul da Itália divulgaram na internet imagens em que aparecem destruindo camisas do jogador. Em um vídeo publicado no Youtube, um homem […] Mais »

    Gazeta Press - 51 minutos atrás
  • Rodrigo Caio mira ouro olímpico para reconquistar torcida pela Seleção

    A relação da torcida com a Seleção Brasileira, abalada pela derrota por 7 a 1 diante da Alemanha na semifinal da Copa do Mundo 2014, já foi mais estreita. Com os Jogos Olímpicos 2016 no Rio de Janeiro, Rodrigo Caio pensa em recuperar o moral do time canarinho. “Sabemos que precisamos ganhar a torcida novamente […] Mais »

    Gazeta Press - 52 minutos atrás