Chelsea e United terão dinheiro para tirar Sancho do Dortmund após pandemia?

Goal.com

Não será fácil tirar Jadon Sancho do Borussia Dortmund. O Aurinegro estava receoso em perder o jogador ao final desta temporada mas os impactos do coronavírus no futebol europeu pode fazer com que o inglês de 20 anos fique no clube alemão.

Segundo o jornal Bild, o Borussia aceitaria a saída do atacante caso algum clube pague 130 milhões de euros (R$ 719 milhões). Caso contrário, ele seguiria no clube. O contrato do inglês com o Aurinegro vai até o final de junho de 2022.

Sancho está na mira de Chelsea e Manchester United, que surgiam, antes da paralisação do futebol, como favoritos para contratar o jogador. Porém, os dois clubes ingleses teriam o mesmo problema para tentar chegar ao valor pedido pelo clube alemão: o lado financeiro.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Como aponta o Bild, tanto os Blues quanto os Red Devils precisam do dinheiro da televisão, que por sua vez só ira liberar a quantia previamente acertava quando - e se - a Premier League retornar. Os times precisam deste dinheiro para poder fazer uma proposta boa ao Borussia.

Desde 9 de março, o campeonato inglês está paralisado por conta do coronavírus que afeta o mundo todo.

A temporada de Sancho com a camisa amarela e preta é muito boa. Na Bundesliga, ele atuou em 23 dos 25 jogos do Borussia até aqui e marcou 14 gols, sendo o artilheiro da equipe na competição. Além disso, o inglês já deu 15 assistências. Contando todos os campeonatos, são 17 gols e 19 assistências em 35 partidas.

Leia também