Chelsea e Manchester City cogitam deixar a Superliga Europeia

LANCE!
·1 minuto de leitura


Chelsea e Manchester City pensam em deixar a Superliga Europeia, segundo o "The Guardian". As informações indicam que ambos os clubes aceitaram participar do projeto com medo caso não entrassem em um projeto econômicamente atrativo.

A publicação afirma que houve discussões no Congresso da Uefa, realizado na última segunda-feira, e que há o entendimento que menos da metade dos 12 clubes fundadores da Superliga apoiariam o projeto independentemente de qualquer coisa. E que a maioria aceitou por conta do dinheiro.

> Veja a tabela da Premier League

Em diversos locais da Europa, diversos torcedores, clubes e jogadores se manisfestaram contra a criação do novo torneio no Velho Continente. Ainda não há evidências concretas de que as equipes irão recuar da ideia que promete mudar as estruturas do esporte.