Chelsea busca dar saída para dois medalhões do elenco


Insatisfeito com o desempenho de seus atacantes na temporada, o Chelsea deseja se desfazer de Aubameyang e Sterling na próxima janela de transferências, segundo o "The Guardian". O gabonês soma poucos minutos sob comando de Graham Potter, enquanto o recém-contratado junto ao Manchester City não rendeu como se esperava dele até o momento.

Com contrato até 2024, Aubameyang tem uma situação mais fácil em busca de uma nova equipe na próxima temporada. Próximo de completar 34 anos, os Blues não devem pedir uma quantia elevada pelo jogador em caso de uma futura venda. Os ingleses investiram cerca de 12,5 milhões de euros (R$ 66 milhões), o que não é considerado alto para os padrões atuais.

Por outro lado, Sterling foi anunciado como o principal reforço do Chelsea na temporada e assinou contrato até 2027. Os londrinos pagaram 47,5 milhões de libras (R$ 296 milhões) ao Manchester City. Caso optem pela venda definitiva, os Blues devem buscar recuperar parte do investimento feito.

Na atual edição da Premier League, o Chelsea ocupa apenas a 10ª colocação e tem o 8º pior ataque do Campeonato Inglês com 22 gols marcados. O artilheiro do clube na competição é Kai Havertz com cinco gols anotados no torneio.

Chelsea x Milan - Aubameyang
Chelsea x Milan - Aubameyang

Aubameyang pode deixar o Chelsea (GLYN KIRK / AFP)