Chelsea bate City e mantém liderança; Coutinho iguala recorde de Juninho

O Chelsea recebeu o Manchester City nesta quarta-feira, no Stamford Bridge, e venceu por 2 a 1. Em duelo disputado, o líder do Campeonato Inglês foi aos 72 pontos e manteve a diferença de sete sobre o segundo colocado, o Tottenham, que também venceu na rodada. O City, por vez, estacionado nos 58 pontos, na vaga para a Liga Europa, viu o Arsenal se aproximar.

Na principal partida do dia, o Chelsea aproveitou o mando de campo para abafar o adversário e abrir o placar logo no começo, com Hazard. Aguero até descontou para o City, mas em rebote do próprio pênalti o belga fez o seu segundo e último gol da partida.

Na próxima rodada da Premier League, o Chelsea visita o Bournemouth, enquanto o Manchester City recebe o Hull City.

O jogo – Atuando em seus domínios, no Stamford Bridge, o líder do Campeonato Inglês começou pressionando o Manchester City. Aos cinco, Diego Costa recebeu na entrada da área e chutou torto, para fora. Aos 9, aproveitando o fator casa, o Chelsea tratou de abrir o placar: Azpilicueta recebeu no fundo, tocou para trás e Hazard bateu forte, sem chances para Caballero.

Ao sofrer o gol, o City passou a jogar mais no seu campo de ataque e foi aí que incomodou Courtois. Fernandinho, aos 18, soltou uma bomba de longe, defendida em dois tempos. Aguero, dois minutos depois, obrigou o goleiro a fazer outra defesa.

E foi assim que o gol dos visitantes amadureceu, aos 25. O goleiro belga saiu mal, a bola foi fraca e parou no peito de Silva. O meia carregou e soltou a bomba. No rebote, Aguero empurrou e empatou o marcador.

Aos 34, o brasileiro Fernandinho foi afoito e cometeu pênalti claro em Pedro. Hazard, na cobrança, até foi parado por Caballero, mas no rebote de sua própria batida ampliou para os mandantes.

Na segunda etapa, o City começou incomodando. Logo no primeiro minuto, Kompany acertou o travessão. De bruyne despejou a bola na área e o zagueiro tocou nela na segunda trave. Devagar, a bola tocou o travessão antes da zaga afastar.

E com este cenário se desenrolou os últimos 45 minutos. Acuado, o Chelsea se manteve no campo defesa segurando o resultado positivo. O City, na etapa, teve 62% da posse de bola, no melhor estilo de seu treinador Pep Guardiola.

No final, praticamente no último lance, Aguero parou na defesa do goleiro belga e viu sua equipe sair derrotada, ficando ainda mais longe da liderança do torneio.

Liverpool empata com Bournemouth e Coutinho iguala recorde de brasileiro

Jogando também nesta quarta, no Alfield, o Liverpool empatou com o Bournemouth, por 2 a 2, mas saiu de campo com o sentimento de derrota. Após começar perdendo, os Reds conseguiram a virada, e Philippe Coutinho foi o grande responsável por isso, mas cederam o empate no final.

Além de fazer o primeiro gol da equipe de Jurgen Klopp, na etapa inicial, o brasileiro participou do segundo, feito por Origi. Porém, aos 41 minutos do segundo tempo, o Liverpool viu os visitantes chegarem ao empate com King.

Titular na Seleção Brasileira de Tite, o camisa 10 do Liverpool alcançou um recorde que era, até então, somente de Juninho Paulista. Ao lado do ex-jogador, tornou-se o brasileiro com mais gols na Premier League, 29, e está muito perto bater a marca. Enquanto Coutinho preciso de 131 jogos para balançar as redes 29 vezes, Juninho alcançou a marca depois de 125 atuações, todas pelo Middlesbrough – foram três passagens pelo clube.

Confira jogos do Campeonato Inglês desta quarta-feira:

Arsenal 3 x 0 West Ham

Hull City 4 x 2 Middlesbrough

Southampton 3 x 1 Crystal Palace

Swansea 1 x 3 Tottenham

Chelsea 2 x 1 Manchester City

Liverpool 2 x 2 Bournemouth