Chegada de Thiago Galhardo ao Inter teve aval importante de Coudet

Futebol Latino
·1 minuto de leitura


Se o atacante Thiago Galhardo tem sido uma das peças fundamentais para a companha do Internacional na liderança do Brasileirão, o técnico Eduardo Coudet teve participação importante na sua chegada devido ao conhecimento prévio de sua qualidade.

Explicando quais eram suas intenções de utilização do atual artilheiro da Série A, Coudet falou sobre suas observações feitas ainda em 2018 quando era treinador do Racing. Na época, o time argentino enfrentou por duas vezes o Vasco na fase de grupos da Libertadores.

- É verdade que o conhecia por ter enfrentado ele pelo Racing na Copa Libertadores, mas ele é um jogador de lado de campo. Eu quis colocá-lo como segundo atacante, pois gosto de jogar com dois na frente, e o via como um bom companheiro para Paolo (Guerrero). Depois, precisamos que ele fosse o atacante para fazer um jogo mais posicional, foi fazendo as coisas bem. É um jogador importante para nós - declarou o treinador.

Apesar dos elogios em caráter individual a Galhardo, o técnico argentino não deixou de reforçar o trabalho em caráter grupal do elenco:

- Não gosto muito de falar de casos individuais, mas sim do grupo. Ter o Galhardo é algo muito bom, faz um grande trabalho para estar como está, mas, para ter o Galhardo artilheiro, quem o fez foi esse time. Ele tem um grande mérito de estar em grande forma, mas os méritos são grupais. Para termos a melhor defesa, isso começa no ataque e vice-versa.