Chegada de Renato Augusto ao Corinthians gera disputa por posto de parceiro de concentração de Fábio Santos

·2 minuto de leitura


O retorno de Renato Augusto ao Corinthians gerou concorrência interna para o posto de parceiro de concentração do lateral-esquerdo Fábio Santos

Companheiros entre 2013 e 2015, a dupla dividia o apartamento à época. No entanto, desde o retorno de Fábio ao Timão, no ano passado, o parceiro do lateral tem sido o goleiro Cássio. Contudo, o meia quer recuperar o posto.

- O Renato tenho uma relação ótima com ele, meus melhores amigos no futebol, tem me ajudado dentro e fora de campo, sempre bacana tê-lo por perto e está causando briga, porque quer voltar a concentrar comigo, eu concentro com o Cássio e vamos ver com quem vou concentrar – disse Fábio Santos em entrevista coletiva virtual concedida na última sexta-feira (20).

>> Baixe o novo app de resultados do LANCE!
>> Confira a tabela do Brasileirão e simule os próximos jogos

Juntos, Cássio, Fábio Santos e Renato Augusto conquistaram o Paulistão e a Recopa Sul-Americana de 2013 e o Brasileirão de 2015 – ainda que na última conquista o defensor tenha atuado em apenas sete partidas, se transferindo posteriormente ao Cruz Azul, do México.

Após a conquista nacional, Renato foi para o futebol chinês, onde atuou durante cinco temporadas no Beijing Guoan. Cássio foi o único que permaneceu.

Além dos três jogadores, o lateral-direito Fagner e o zagueiro Gil também fizeram parte do plantel vencedor recentemente pelo Timão.

Independentemente de quem será parceiro na concentração, Fábio Santos ressalta a importância técnica do retorno de Renato Augusto, bem como do outro meio-campista Giuliano, únicos reforços do Corinthians nesta temporada até aqui.

- Chegada de Giuliano e Renato qualifica demais o elenco, jogadores fundamentais para o esquema e vão levar tempo para qualificar fisicamente, mas vai clarear o setor, que é muito importante.

Além da dupla de meias, o Corinthians busca a contratação do atacante Roger Guedes, que busca a liberação junto ao Shandong Taishan, da China. Roger e Fábio Santos jogaram juntos pelo Atlético-MG, em 2017, são amigos e o lateral tem feito campanha para a contratação do seu companheiro.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos