Chefe da diplomacia japonesa em Londres para negociar acordo pós-brexit

·1 minuto de leitura
(Arquivo) O ministro das Relações Exteriores do Japão, Toshimitsu Motegi

O ministro das Relações Exteriores do Japão, Toshimitsu Motegi, começou nesta quarta-feira (5) uma visita de três dias a Londres, com o objetivo de avançar em um acordo comercial pós-brexit com o Reino Unido.

A visita oficial começa com um jantar nesta noite e continuará por dois dias de negociações comerciais. O chefe da diplomacia japonesa se reunirá com seu homólogo britânico Dominic Raab e com a ministra do Comércio Internacional, Lizz Truss.

As duas partes, que se reúnem pela primeira vez presencialmente desde o início das negociações comerciais por vídeoconferência em 9 de junho, esperam chegar rapidamente a um acordo.

Toshimitsu Motegi declarou antes de sua partida ao jornal japonês "Nikkei Asian Review" que pretende discutir com Truss "a rápida conclusão de uma nova parceria econômica entre Japão e Reino Unido" e disse esperar que esta reunião seja "a última etapa das consultas" devido a um calendário apertado.

Após sua saída da União Europeia em 31 de janeiro, o Reino Unido deve agora assinar antes do fim do ano novos acordos comerciais com o bloco e seus outros parceiros. Caso não haja um acordo, serão aplicadas as normas da Organização Mundial do Comércio (OMC), com tarifas elevadas.

Em junho, o negociador-chefe do Japão nas negociações com o Reino Unido, estabeleceu o fim julho como último prazo para Londres fechar os acordos, para aguardar uma validação antes de 2021.

O comércio do Reino Unido com o Japão aumentou para mais de 30 bilhões de libras (33 bilhões de euros, 39 bilhões de dólares) em 2019, segundo o Departamento de Comércio Internacional.