Chassi de novo carro da Alfa Romeo fica destruído após crash-test da FIA

Redação GP

A Alfa Romeu sofreu um duro golpe no desenvolvimento do seu carro para a temporada 2020 do Mundial de F1. Segundo o site alemão ‘Motorsport-Magazin’, a equipe ítalo-suíça teve o chassi do novo carro destruído após ter sido submetido ao crash-test, o teste de impacto obrigatório promovido pela FIA (Federação Internacional de Automobilismo). 

O crash-test foi realizado em Milão, na Itália, em um dos três laboratórios credenciados pela FIA para a execução do processo. O novo chassi da Alfa Romeo foi reprovado depois de ter ficado destruído na esteira de um teste de colisão frontal. 

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

A Alfa Romeo vai seguir com Antonio Giovinazzi e Kimi Räikkönen para 2020 (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)


Ao todo, cada carro é submetido a cerca de 15 distintos testes de impacto para que o chassi seja aprovado para as competições. 

Segundo a publicação, o prejuízo para o desenvolvimento do sucessor do C38 é brutal, uma vez que a expectativa é que o projeto fique atrasado entre três e quatro semanas. 

O fim de ano é de férias para os pilotos, mas de muito trabalho nas fábricas para o desfecho dos preparativos para 2020 por conta do período de menos de dois meses para o início dos testes de pré-temporada, que vão ter lugar em fevereiro, novamente em Barcelona.


Paddockast #46

OS 10 MELHORES PILOTOS DA DÉCADA


Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM





Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo


O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.


Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experiências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.








Leia também