Chapecoense supera o Confiança fora de casa e é 'campeã' do 1º turno da Série B

Futebol Latino
·3 minuto de leitura


Em busca da continuação da boa fase sob o comando de Daniel Paulista, o Confiança enfrentou em casa a Chapecoense, líder da Série B, pela 19ª rodada. Porém foi o Verdão do Oeste quem mostrou quem manda e venceu por 2 a 0 na Arena Batistão.

Com a vitória, a Chapecoense ampliou sua fase sem perder para 16 jogos e chegou aos 40 pontos. Além disso, derrotou o Confiança que estava invicto em casa nos oito jogos na Arena Batistão e fechou o primeiro turno na liderança.

Enquanto isso, o Confiança, que ficou seis jogos sem perder até a derrota para o América-MG na última rodada, sofre seu segundo revés consecutivo e trava a subida buscando o G-4 da Série B.

PRIMEIRO TEMPO SIMPLES E 'LETAL' DA CHAPECOENSE

Com a boa organização que lhe faz ser a líder da Série B, a Chapecoense começou mais 'letal' que o Confiança e no primeiro ataque fez seu gol com Perotti. Aos seis minutos, Aylon cruzou rasteiro na linha de fundo e o camisa 77 apenas tocou para o fundo das redes. Em seguida, o time de Aracaju não conseguiu passar da barreira defensiva da Chape nos primeiros 15 minutos de jogo e no máximo jogou uma bola na área que o goleiro João Ricardo pegou com tranquilidade.

Após o gol, a Chape se segurou para poupar energia e deixou o Confiança se movimentar mais, já que conseguiu abrir o placar logo no começo. Enquanto os mandantes corriam e trocavam passes, os catarinenses cercavam para tentar recuperar a bola. Com 28 minutos, o time de Daniel Paulista tinha 69% de posse, o problema é que esse tempo de bola no pé não foi convertido em chances de gols já que a equipe de Aracaju só tinha chutado uma vez a meta.

Até os 30 minutos, o Confiança ainda encontrava dificuldades de penetrar na defesa da Chape, que estava bem postada. A alternativa continuou sendo bolas aéreas, com os quatro escanteios e os 13 cruzamentos na área até então. Mais tarde o 'escape' veio com um chute de longa distância de Rafael Vila, mas a bola passou ao lado do gol de João Ricardo. Já no fim de jogo, a primeira chance real com Italo, que recebeu dentro da área e chutou por cima da meta.

A Chapecoense ampliou sua fase invicta para 13 jogos e chegou aos 40 pontos. Além disso, derrotou o Confiança que tava invicto em casa nos oito jogos na Arena Batistão e fechou o primeiro turno na liderança.

Enquanto isso, o Confiança, que ficou seis jogos sem perder até a derrota para o América-MG na última rodada, sofre seu segundo revés consecutivo e trava a subida buscando o G-4 da Série B.

SEGUNDO TEMPO DOMINADO PELO CONFIANÇA, MAS COM GOL DA CHAPE

A Chapecoense continuou reativa na volta do intervalo e apenas assistia o Confiança. O time azulino foi se aproveitando para ocupar ainda mais o sistema defensivo dos catarinenses. Renan Gorne por pouco não marca. Aos 14 minutos, o atacante chutou forte e rasteiro de dentro da área e obrigou João Ricardo a se esticar todo para salvar.

Em busca do gol, o Confiança não parou de atacar durante todos os mínutos do segundo tempo. E vendo a atitude de seu time, Daniel Paulista fez o time ficar ainda mais ofensivo colocando os atacantes Iago e Bruno Paraíba nos lugares de Vinícius Simon e do volante Rafael Vila. Madison também deixou o gramado para a entrada de Tiado Luis.

Apesar das dez tentativas de chute no segundo tempo e os 72% de posse de bola, o Confiança não traduziu sua superioridade em gols. Enquanto isso a Chapecoense seguiu bem a risca de "quem não faz, toma". Se o Dragão não aproveitou as oportunidades, Alan Grafite foi lá na frente e marcou um golaço para os catarinenses e fechou o placar.