Chapecoense perde para o Botafogo e é rebaixada pela primeira vez

O Verdão do Oeste não resistiu a uma péssima campanha e vai disputar a Série B em 2020
O Verdão do Oeste não resistiu a uma péssima campanha e vai disputar a Série B em 2020

Um dos tantos orgulhos que a Chapecoense e seu torcedor tinham era o fato de o clube jamais ter sido rebaixado, desde que foi ascendendo nas categorias inferiores até chegar à primeira divisão do Campeonato Brasileiro. Mas nesta quarta-feira (27), o rebaixamento à Série B ficou matematicamente irreversível após derrota por 1 a 0 para o Botafogo, pela 35ª rodada.

Rhuan, do Botafogo, fez o único gol da partida no início do segundo tempo. O resultado persistiu até o fim, apesar das investidas tentadas dentro da Arena Condá. Na última delas, nos acréscimos do segundo tempo, o atacante Henrique Almeida desperdiçou uma chance incrível de arrancar um empate que deixaria ainda evitaria o rebaixamento.

Na saída do gramado, em meio a jogadores cabisbaixos, o zagueiro Douglas, capitão do time, lamentou a queda: “Momento delicado, difícil até encontrar palavras em meio a esta situação”, disse para o Premiere FC.

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

“Nós, jogadores, lamentamos muito por deixar a Chapecoense nesta situação, mas a Chapecoense sempre mostrou união. Acho que esse é o momento da comunidade toda de unir novamente, reorganizar as coisas, deixar tudo nos trilhos para a Chapecoense voltar para a Série A, que é lugar dela, e seguir construindo esta história tão bonita”.

A Chapecoense chegou à primeira divisão em 2014, após conseguir o acesso no ano anterior, e desde então costumava mostrar sua força na Arena Condá. O Verdão do Oeste ainda conseguiu chegar a uma final de Copa Sul-Americana, que acabou não sendo jogada graças ao desastre aéreo no voo da LaMia, que ocasionou a morte de mais de 70 pessoas entre jogadores, comissão técnica e membros da imprensa.

Além da Chapecoense, o Avaí também já é outro garantido na segunda divisão de 2020.

Leia também