Cervejaria tradicional cria nova moda em cortes de cabelos de jogadores brasileiros

·1 minuto de leitura


Existem diversas maneiras de reconhecer um jogador ou uma jogadora dentro de campo, mas uma das mais marcantes e lembradas pelos torcedores é pelo corte de cabelo. Um moicano, um topete alto ou até mesmo alguns desenhos sempre marcaram época. Buscando inserir uma nova moda nos gramados, a Brahma vem transformando os penteados de jogadores do futebol brasileiro.
+ Confira a classificação do Brasileirão

A novidade já começou a aparecer nas competições espalhadas pelo país no último sábado (10), com o lateral-esquerdo Reinaldo e o atacante Rossi, no duelo entre São Paulo e Bahia, ambos pelo Campeonato Brasileiro. A atacante Cacau, do Corinthians, é outra representante do mundo da bola a adotar o corte.

O estilo de cabelo inusitado faz parte da cultura do futebol, e os torcedores adoram reproduzir o visual de seus principais ídolos. E se a moda no futebol extrapola o campo, até mesmo os fãs e as celebridades já aderiram, como o influenciador flamenguista Arthur Piccoli. E o Cabelo Cremoso Brahma é um corte diferente, com o amarelo e o branco trazendo aspectos da cervejaria.

A campanha, criada pela Africa, conta com a parceria de Ariel Franco, o Rei do Blindado. O barbeiro, conhecido por cortes icônicos, tem sido o responsável por levar o Cabelo Cremoso para a cabeça dos jogadores

- Entre tantas coisas, o cabelo dos jogadores e jogadoras é algo icônico dentro do futebol. Muitos atletas se tornam ídolos e são reconhecidos, não apenas pelo que apresentam em campo, mas também pelo visual. Então, de forma inusitada decidimos criar o corte que vai ditar a moda nessa década. Como principal parceira do futebol brasileiro e dos clubes, a Brahma também está pronta para criar tendências de uma maneira leve e descontraída - disse Marina Raats, gerente de marketing de Brahma.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos