Cerimônia de abertura mostra vídeo com mais velha campeã olímpica

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
TÓQUIO, JAPÃO, 23/07/2021: OLIMPÍADAS-CERIMÔNIA-TÓQUIO - Cerimônia de abertura das Olimpíadas no Estádio Olímpico de Tóquio, no Japão, nesta sexta (23). (Foto: Yuri Hiroshi/Agência Enquadrar/Folhapress)
TÓQUIO, JAPÃO, 23/07/2021: OLIMPÍADAS-CERIMÔNIA-TÓQUIO - Cerimônia de abertura das Olimpíadas no Estádio Olímpico de Tóquio, no Japão, nesta sexta (23). (Foto: Yuri Hiroshi/Agência Enquadrar/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A cerimônia de abertura das Olimpíadas de Tóquio exibiu vídeo com imagens da ginasta Agnes Keleti para falar sobre a evolução dos esportes nos últimos cem anos.

A húngara é a mais velha medalhista olímpica viva. Está com 100 anos e tem no currículo 10 medalhas nos Jogos (5 ouros, 3 pratas e 2 bronzes).

Keleti participou da Olimpíada de Melbourne, em 1956. Pediu asilo político após os Jogos. A Hungria havia sido invadida por tropas soviéticas algumas semanas antes.

De origem judaica, ela é um exemplo de sobrevivência. Seu pai foi morto pelos nazistas no campo de concentração de Auschwitz durante a Segunda Guerra Mundial. Hoje ela vive em Israel.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos