Ceni revela desconforto de Rodrigo Caio e projeta estreia do Flamengo na Liberta: 'Faremos um grande jogo'

LANCE!
·2 minuto de leitura


No segundo jogo em 48 horas, o Flamengo sofreu o segundo tropeço seguido no Campeonato Carioca. Com um time alternativo em campo, o Rubro-Negro viu a Portuguesa abrir 2 a 0 no primeiro tempo e buscou o empate por 2 a 2 na etapa final, com dois gols de Pedro.

Após a partida, Rogério Ceni concedeu entrevista coletiva e comentou sobre a evolução da equipe após o intervalo, destacando a mudança de postura. Além disso, o treinador revelou que Rodrigo Caio foi substituído no intervalo, pois se queixou de desconforto em uma das pernas.

+ ATUAÇÕES: time alternativo do Flamengo começa mal, e Pedro comanda reação; veja as notas

- No segundo tempo de hoje, jogamos bem melhor e tivemos mais atitude. O primeiro tempo foi muito cabisbaixo, desanimado, pouco se ouvia a voz dos jogadores. Após o intervalo, os mesmos jogadores voltaram pra campo, com exceção do Rodrigo (Caio), que sentiu um desconforto na perna. A gente teve uma melhor atitude, ser mais perigoso, reagir fazer dois gols... Poderíamos até poder ter virado a partida e promovemos alguns garotos da base.

Os principais jogadores do elenco foram poupados da partida de olho na estreia na Libertadores contra o Vélez Sarsfield. A partida será na próxima terça-feira, às 21h30, no José Amalfitani, em Buenos Aires. Para Rogério Ceni, o Flamengo está ciente da dificuldade da partida, mas fará um bom jogo fora de casa em busca de voltar para o Rio de Janeiro com os três pontos.

- Um jogo importantíssimo. Acho que é a competição que todo torcedor tem a expectativa de jogar bem, fazer um bom jogo e trazer um bom resultado da Argentina. Sabemos que jogar na Argentina sempre é difícil e complicado, mas estamos recuperando os jogadores e trabalhando bem. Tenho certeza que vamos fazer um grande jogo, bem melhor do que contra o Vasco, que estava muito atrelado à conquista de domingo (Supercopa).