Ceni explica Gustavo Henrique e Pedro como titulares do Flamengo

LANCE!
·1 minuto de leitura


As mudanças feitas por Rogério Ceni não surtiram o efeito esperado e, neste domingo, o Flamengo perdeu para o Ceará por 2 a 0, no Maracanã, pelo Brasileirão. Após a derrota, o treinador explicou que as mudanças em relação aos últimos jogos, com Gustavo Henrique e Pedro nos lugares de Natan e Gabigol, respectivamente, aconteceram devido as características do adversário.

- O Pedro foi contratado também, é um grande jogador e já vinha sendo titular do Flamengo. O Gabriel tem total condição, quando penso na minha equipe é ele e Bruno Henrique na frente, mas pelo o que o jogo oferecia, com uma defesa, colocamos o Gustavo Henrique, que tem um melhor jogo aéreo, o Pedro, para ser uma referência. Contra o Fluminense, eles (Gabigol e Bruno Henrique) estiveram distantes. Hoje optamos por essa formação - afirmou Rogério Ceni, em entrevista coletiva no Maracanã, antes de complementar:

- O Pedro foi contratado por um valor expressivo, tem qualidades para ser titular do Flamengo, o que não diminui em nada a importância do Gabriel. Ainda não treinamos ainda o suficiente para jogar com os dois desde o início, para jogar 60, 70 minutos, acho que seria um risco - completou o técnico.

> Confira a tabela completa e simule as próximas rodadas do Brasileirão!

O Flamengo, agora, terá uma semana de trabalho no Ninho do Urubu pela frente. A próxima partida é contra o Goiás, no dia 18 no Estádio da Serrinha, pela 30ª rodada do Brasileirão. Gerson, suspenso, desfalcará o Rubro-Negro.