Ceni arma São Paulo no 3-4-3 para estreia na Sul-Americana

Com muitos desfalques, o São Paulo está escalado para o duelo com o Defensa y Justicia-ARG, nesta quarta-feira, às 19h15 (de Brasília), pela Copa Sul-Americana. Para segurar os argentinos no estádio do Lanús, o La Fortaleza, o técnico Rogério Ceni armou o time no 3-4-3, a exemplo do que já havia feito na vitória por 1 a 0 sobre o São Bernardo na semana passada.

Sendo assim, o Tricolor entrará em campo com Denis; Rodrigo Caio, Breno e Lucão; Araruna, João Schmidt, Jucilei,  e Buffarini; Wellington Nem, Chavez e Lucas Pratto.

Ceni levou apenas 18 atletas para Lanús, sendo sete para compor o banco de reservas. São eles Lucas Perri; Junior Tavares, Douglas, Wellington, Thomaz, Shaylon e Gilberto.

Ao todo, o campeão da Sul-Americana de 2012 terá 13 desfalques: Sidão (lombalgia), Bruno (entorse no tornozelo direito), Edimar (estiramento no tendão do músculo reto femoral da coxa esquerda), Cueva e Lucas Fernandes (ambos com estiramento no músculo posterior da coxa esquerda). Já Cícero não viajou em função de dores na canela esquerda.

Lugano e Wesley cumprem suspensão automática, já que foram expulsos no jogo de volta da semifinal da Copa Libertadores de 2016, contra o Atlético Nacional-COL, ao passo que Maicon está fora do duelo porque cumpre a segunda de partidas de suspensão por ter empurrado a cabeça de Borja, hoje no Palmeiras, no primeiro embate com os colombianos.

Por uma decisão da comissão técnica, o goleiro Renan Ribeiro, o volante Thiago Mendes e os atacantes Luiz Araújo e Neilton não foram relacionados para descansarem e estarem aptos a disputar a segunda partida contra o Linense, neste sábado, pelas quartas de final do Campeonato Paulista.