8 celebridades engajadas em ações humanitárias pelo mundo afora

Yahoo Vida e Estilo
(Reprodução)
(Reprodução)

Eles são ricos e famosos, mas a consciência de utilizar a fama em prol de causas humanitárias, sociais e ambientais fala mais alto em suas atividades fora do universo da arte. Conheça alguns dos famosos mais engajados em ações solitárias no Brasil e no mundo.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Siga a gente!

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também

Leonardo DiCaprio

Desde 1998, o ator que brilha em filmes em Hollywood e já ganhou um Oscar, comanda a sua Fundação Leonardo DiCaprio – que luta por diversas questões ambientais, como: proteger florestas e oceanos, combater o aquecimento global, e, mais pontualmente, vigia o bem-estar de tubarões na Califórnia (EUA), elefantes na África e tigres na Ásia, por exemplo. Seu trabalho o fez ser nomeado pela ONU como Mensageiro da Paz pelas Mudanças Climáticas. 

Além disso, ele ainda faz parte do conselho de diversas ONGs eco-friendly, como World Wildlife Fund, Natural Resources Defense Council, National Geographic's Pristine Seas, Oceans 5 e International Fund for Animal Welfare. Em 2016, ele foi produtor e apresentador em um filme documentário sobre a questão das mudanças climáticas mais preocupantes atualmente: ‘Seremos História?’, disponível no Netflix. Em 2019, teve seu nome no meio de uma polêmica fake news ligada à Amazônia. 

Gisele Bündchen

top model brasileira visitou em 2004 uma tribo indígena no Xingu e então começou sua ligação com a luta pela preservação do meio ambiente. Gisele passou a atuar em prol da natureza e a se envolver em uma série de projetos relacionados à água, energia limpa, aquecimento global, prevenção do HIV e preservação da Floresta Amazônica. A modelo já criou uma floresta (como parte de uma campanha de reflorestamento), costuma participar de campanhas de conscientização e já reverteu alguns cachês em prol das causas que acredita. Pelo seu trabalho, foi reconhecida pela ONU e nomeada por um de seus programas, a UNEP, como Embaixadora da Boa Vontade para o Meio Ambiente.

Jane Fonda

A atriz, que em breve completa 82 anos, além de esbanjar talento, jovialidade e elegância, é uma das maiores ativistas do mundo das celebridades, uma “ativista raiz”, que luta por direitos sociais, das mulheres e meio ambiente desde os anos 1970. Atualmente, Jane Fonda está morando em Washington apenas para participar das manifestações pelo clima. Toda sexta-feira, ela vai até o Congresso americano protestar vestindo seu casaco vermelho e diz que essa foi última peça de roupa que comprou na vida, apontando o consumismo como algo que também fere o meio ambiente. Ela já foi presa diversas vezes, inclusive, realizando estes protestos.

Mateus Solano

O ator brasileiro conhecido por seus papéis dramáticos e também cômicos na TV, cinema e teatro, há muitos anos é também um defensor das causas ambientais. Há cerca de três anos, juntamente com seu padrasto, criou uma loja no Rio de Janeiro que só vende produtos sustentáveis feitos com material reciclável, chamada A Muda. Mateus também faz parte da campanha de limpeza dos oceanos promovida pela ONU Meio Ambiente, sendo nomeado como Defensor dos Mares Limpos – promovendo regularmente ações de limpeza em praias, lagos e rios. 

George Clooney

O ator, diretor e produtor é um dos famosos de Hollywood mais atuantes em causas humanitárias. Ao lado de sua esposa, a advogada de Direito Internacional, Amal Clooney, juntou-se à algumas mega empresas como Google e HP para pagar transporte, computadores e formação de professores para que crianças sírias refugiadas no Líbano possam frequentar a escola. Além disso, eles doaram 1 milhão de dólares a uma organização que luta contra o racismo e a intolerância no mundo, a Southern Poverty Law Center. 

Outra iniciativa de George Clooney já tem mais de 10 anos: é a organização ‘Not On Our Watch’, que ele criou em 2008 com os colegas Don Cheadle, Matt Damon e Brad Pitt para trabalhar pelo fim do genocídio no Sudão e desenvolver atividades humanitárias naquele país, no Zimbábue e em Myanmar.

Marcos Palmeira

O ator brasileiro é responsável pelo projeto PAIS (Produção Agrícola Integrada Sustentável), que promove um sistema de produção agroecológica por meio do uso de energia solar. A intenção é beneficiar diversas famílias, suprindo a necessidade de alimentos e incentivar a geração de renda das produções próprias. Marcos, inclusive, é dono de uma fazenda orgânica no Rio de Janeiro que produz alimentos sem agrotóxicos e é referência em sustentabilidade – inclusive, lançou uma marca e uma loja onde vende seus produtos e divulga a ideia do consumo de produtos orgânicos, a ‘Vale das Palmeiras’. O artista ainda também está engajado com projetos indígenas.

Lady Gaga

A diva da música pop é conhecida pela luta contra a Aids e a favor dos direitos LGBTI+, tanto que Gaga chegou a pedir que o Senado dos EUA a derrubada da lei que obriga os soldados a ocultar sua orientação sexual. Em 2010, ela foi campeã de doações para causas beneficentes e, no ranking da ONG ‘Do Something’, ficou em primeiro lugar entre as celebridades que praticam o bem. Em 2016, Lady Gaga participou de um debate sobre o poder da bondade ao lado de Dalai Lama e, por conta disso, teve sua música banida da China.

Letícia Sabatella

A atriz e cantora, que recentemente participou do programa ‘Popstar’, é ativista pelo direitos dos povos indígenas e dirigiu o documentário ‘Hotxuá’, que mostra a vida da tribo Krahô, no estado do Tocantins. Letícia também atua em defesa da democracia, está envolvida na causa do Movimento Gota d'Água e foi uma das personalidades mais marcantes na luta contra a transposição do Rio São Francisco. 

Leia também