Ceará tenta Iury Castilho, mas ganha outro 'reforço' para o sistema ofensivo

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Tiago Retzlaff Nunes
    Treinador de futebol brasileiro


Uma situação, no mínimo, curiosa ocorreu nesta semana envolvendo o Ceará e a montagem de planejamento feita pelo clube pensando na temporada 2022 com relação ao sistema ofensivo da equipe treinada por Tiago Nunes.

>As últimas do mercado da bola; Confira!

Isso porque, segundo informação da jornalista Nadja Mauad, o Vozão tem interesse no atacante Iury Castilho, nome que defendeu a equipe do CSA na última temporada, mas que tem seus direitos ligados ao Portimonense-POR.

Apesar da ligação contratual, a tendência é que ele seja novamente negociado pelos portugueses com a intenção de valorizá-lo para uma futura venda. A tendência, no entanto, é que exista certa concorrência para o Alvinegro no negócio, pois equipes como Vasco e Coritiba também analisam a mesma oportunidade.

Porém, o que o Ceará poderia não imaginar é que uma situação envolvendo o Al-Qadisiyah-ARA, clube onde até recentemente o atacante Leandro Carvalho atuava por empréstimo após passagem pelo América-MG, decidiu pela rescisão antecipada do acordo que tinha validade até maio de 2022.

Desta forma, o plantel volta a contar com Leandro como uma opção ofensiva. Ao menos, até que fique claro por parte da atual comissão técnica não contar com o atleta de 26 anos de idade que fez 15 partidas e dois gols na equipe saudita.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos