Ceará tem dívida salarial com o atacante Jhon Vásquez

Atleta chegou ao clube em julho deste ano (Divulgação/Ceará)


Em entrevista concedida pelo atacante Jhon Vásquez para a rádio colombiana 'Antena 2', o jogador emprestado pelo Deportivo Cali ao Ceará afirmou que o clube de Porangabussu tem dívida salarial de um mês e meio para com ele.

>Quais foram os artilheiros das últimas 10 Copas do Mundo

- Temos conversado com o (Deportivo) Cali, as coisas estão no caminho certo. O pessoal do Ceará está falando da questão contratual, ainda tem uma dívida comigo de um mês e meio de trabalho, estamos esperando essa semana - apontou Jhon.

Diante da afirmação, o Diretor de Finanças do Alvinegro, João Paulo Silva, chegou a confirmar que existe uma pendência financeira. Todavia, o débito se refere a uma natural prática de pagamento exercida nos acordos trabalhistas.

João Paulo chegou a pontuar, inclusive, que a declaração do colombiano de 27 anos de idade, com acordo vigente até dezembro de 2023, demonstraria um desconhecimento de como funciona o sistema de remuneração no país diante de sua recente chegada ao Brasil:

- Ele não é brasileiro, chegou agora e não entende como funcionam bem as leis trabalhistas no Brasil. O que ele fala de um mês e meio é porque a gente tem que pagar a ele o mês de outubro, que é pago de novembro, e ele trabalhou 15 dias no mês de novembro, que é pago em dezembro. Então não tem nada vencido dele. O que tem realmente é um saldo para pagar a ele de outubro e a metade do mês de novembro.

Tendo chegado com boas referências ao Ceará após sua trajetória no Deportivo Cali, Jhon não conseguiu balançar as redes nos 13 compromissos que fez pelo Alvinegro.