Ceará não joga bem, mas carimba vaga na decisão estadual batendo o Ferroviário

·3 minuto de leitura


O Ceará não fez uma partida segura ou mesmo equilibrada diante do Ferroviário na tarde dessa quarta-feira (19) pela semifinal do Campeonato Cearense. Todavia, se do lado adversário a equipe não aproveitou o melhor momento na partida, o Alvinegro foi cirúrgico na reta final do segundo tempo e fez um 3 a 0 que o colocou na decisão estadual pela quinta vez consecutiva.

>Quem pode enfrentar o Ceará na decisão do estadual

FERRÃO MAIS AGRESSIVO

Mesmo iniciando a partida já classificado pela vantagem do empate diante da melhor campanha na fase classificatória, antes mesmo de dois minutos serem completados a velocidade nas transições com a exploração dos lados de campo ficou bastante evidente como a estratégia da equipe de Francisco Diá. Foi dessa forma que as batidas de Richardson dentro da área e Reinaldo (de média distância) sendo defendidas com reflexo por João Ricardo e o lance onde Vitão saiu em disparada e deu bom passe em diagonal para Adilson Bahia ficar novamente na pinta para marcar.

O camisa 9 do Tubarão da Barra até balançou as redes batendo cruzado de perna esquerda, mas o assistente apontou impedimento no lance.

Por parte do Vozão, a movimentação ofensiva tinha bastante dificuldade para se coordenar e, com isso, abrir os devidos espaços para finalizações. Com isso, os poucos melhores momentos surgiram em bolas alçadas na área com Rick e Cléber.

MAIS DO MESMO

Se o Ferrão não conseguia bater em gol com tanto perigo como fez desde o início do primeiro tempo, na volta do intervalo a equipe da Barra continuou sendo a responsável pela melhor movimentação no ataque. E, consequentemente, mais capaz de encontrar caminhos para finalizar em gol onde João Ricardo fez defesas relativamente tranquilas.

Do outro lado, o Ceará seguia com absoluta falta de inspiração e organização para armar a pressão que precisava para pular na frente do marcador já que, pelo regulamento, o empate não interessava. Nem mesmo nos lances aéreos, saída encontrada na etapa inicial, o time de Guto Ferreira era capaz sequer de ameaçar a meta de Serjão, transformando cada vez mais o tempo em um inimigo.

'QUEM NÃO FAZ...'

A frase é extremamente antiga, mas que cabe de maneira exata para a situação onde o Tubarão da Barra chegava mais e, não convertendo, viu seu adversário balançar as redes justamente através da bola alçada. Aos 29 minutos, o rebote de escanteio cortado para a parte lateral da grande área, Marlon deu uma verdadeira assistência e o zagueiro Klaus testou no contrapé de Serjão.

Três minutos depois, João Victor cruzou rasteiro, Saulo Mineiro dominou bem, limpou a marcação e bateu cruzado, de perna esquerda, fugindo do alcance do goleiro adversário. Por fim, já aos 42 minutos, foi a vez de Saulo ganhar no "pé de ferro" estando na intermediária ofensiva, avançar até ficar cara a cara com Serjão e bater de perna direita, rasteiro, carimbando a vaga do Vozão na final do Cearense.

FICHA TÉCNICA DA PARTIDA
FERROVIÁRIO x CEARÁ

Local:
Arena Castelão, em Fortaleza (CE)
Data e hora: 19/05/2021 - 15h30 (de Brasília)
Árbitro: Luiz César Magalhães
Assistentes: Anderson Farias e Anderson Rodrigues
Cartões amarelos: Adilson Bahia, Berguinho (FAC); Fernando Sobral, Marlon (CEA)
Cartões vermelhos:

GOLS:

FERROVIÁRIO (Técnico: Francisco Diá)

Serjão; Polegar, Vitão, Richardson e Emerson (Madson, no intervalo); Wesley Dias, Diego Viana (Mauri, aos 35'/2°T), Reinaldo e Berguinho (Augusto, aos 22'/2°T); Wendson (Thiago Aperibé, aos 35'/2°T) e Adilson Bahia.

CEARÁ (Técnico: Guto Ferreira)

João Ricardo; Natan (Pedro Naressi, no intervalo), Klaus, Jordan e Alessandro; Marthã (Geovane, aos 19'/2°T), Fernando Sobral, Marlon (Alan, aos 41'/2°T) e Marquinhos Brazion (Saulo Mineiro, no intervalo); Cléber e Rick (João Victor, aos 24'/2°T).

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos