CBF remove obrigatoriedade de cadastro na venda de ingressos de Brasil x Paraguai

Depois de muitas queixas feitas às redes sociais da CBF com relação à venda de ingressos para o jogo das Eliminatórias entre Brasil e Paraguai, a instituição se manifestou e afirmou que removeu a obrigatoriedade de cadastro no site de vendas. Num perfil oficial, a confederação reconheceu nesta terça-feira que está passando por alguns problemas e acalmou aos compradores de que estaria agilizando para normalizar a situação.

Leia mais: Carlos Amadeu comemora vitória da Seleção Sub-17 sobre o Equador

As reclamações dizem respeito ao cadastro que precisava ser realizado para se efetuar a compra. De acordo com as queixas, as pessoas não estavam conseguindo concluir este primeiro passo. “Tiramos o cadastro do site de vendas para não conflitar com a compra. Deve melhorar”, respondeu a entidade aos internautas que interagiram com a instituição pelo Twitter.

Somente para o jogo contra o Paraguai, no próximo dia 29, na Arena Corinthians, a CBF contratou a empresa OmniTicket, que está prestando serviço para a instituição pela primeira vez.

Confira o comunicado oficial da CBF na íntegra: 

“É o primeiro jogo da Seleção Brasileira com a operação dos ingressos da OmniTicket. Enfrentamos alguns problemas no sistema e estamos agindo para resolver e fazer os ajustes necessários, como a questão do cadastro, que já foi solucionada. A CBF acompanha as questões levantadas pelos torcedores nos canais diretos com a empresa e pelas redes sociais da entidade”.