CBF presta homenagem após morte de Roberto Dinamite: 'Perda inestimável para o futebol brasileiro'

Roberto Dinamite recebeu camisa personalizada com seu nome em 2021 (Foto: Reprodução / Instagram)


A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) lamentou a morte de Roberto Dinamite, maior ídolo da história do Vasco da Gama, que morreu neste domingo, aos 68 anos. O ex-jogador lutava contra um tumor no intestino desde o fim de 2021.

No último sábado, Roberto teve uma piora em seu quadro de saúde e foi internado em um hospital na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. Neste domingo, Dinamite não resistiu.

+ Veja a tabela e os jogos do Campeonato Carioca 2023


- O Roberto Dinamite foi um dos maiores jogadores da história do nosso futebol. Além de entrar para a bela história do Vasco, ele encantou os fãs do futebol em todo o mundo. A CBF se solidariza com os familiares e com os fãs do artilheiro - declarou Ednaldo Rodrigues, presidente da CBF.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.


+ Morre Roberto Dinamite: relembre os maiores feitos do craque com a camisa do Vasco

Dinamite fez 47 jogos pela Seleção Brasileira, com 28 vitórias, 14 empates e apenas cinco derrotas. O atacante marcou 25 gols no período. O ex-jogador disputou as Copas do Mundo de 1978 e 1982 com a Amarelinha.