CBF estuda levar Supercopa entre Flamengo e Atlético-MG para os Estados Unidos

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) estuda levar a Supercopa de 2022 para os Estados Unidos. Conforme a informação publicada pelo 'GE', um grupo norte-americano oficializou a proposta para que o duelo entre Atlético-MG e Flamengo aconteça no Camping World Stadium, um dos possíveis palcos da Copa do Mundo de 2026. 

Por enquanto, a ideia ainda não foi aprovada. Primeiro, os clubes analisam com a CBF meios para que a partida ocorra, só que sem impactar a tabela do Campeonato Brasileiro. Ainda de acordo com o portal, o projeto apresentado previa que Flamengo e Atlético-MG disputassem ainda uma outra partida nos Estados Unidos contra um gigante europeu, proposta que não agradou por conta do período estendido da viagem e posterior necessidade de reposição de rodadas no Brasileirão.

Leia também:

Assim, a organização protocolou uma contraproposta com a realização única da Supercopa. A CBF é a favor e enxerga uma possibilidade de explorar novos mercados através do projeto, que se espelha no que vem sendo realizado pelas grandes ligas europeias. A exigência dos clubes é não sofrerem com desfalques em partidas do Brasileiro.

Diante do impasse, reuniões estão marcadas para o início de 2022.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos