CBF convoca assembleia para vender bens de luxo comprados por gestões anteriores

Entidade busca se desfazer de bens (Foto: Thais Magalhães / CBF)


O presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues, convocou uma reunião para a próxima terça-feira (24/05) com a Assembleia Geral Extraordinária com o intuito de conseguir uma autorização. A entidade busca se desfazer de bens como avião, helicóptero, carro de luxo e sala comercial da confederação.

+ Globo deve travar nova batalha com SBT por direitos de transmissão; relembre os embates entre as emissoras

O presidente da CBF foi eleito no dia 23 de março e durante a campanha, prometeu que iria se desfazer de certos bens para investir em estruturas como centros de treinamento, iluminação, gramado, etc...

+ CBF tenta cancelar compra de Rogério Caboclo

A CBF busca vender um avião Cessna 680 Citation Sovereign com capacidade para nove passageiros e um o helicóptero Augusta A109S com quatro lugares avaliado em R$15 milhões. A entidade também procura se desfazer de uma Mercedes-Benz E 500 blindada que custa cerca de R$162 mil, além de duas salas comerciais de um prédio localizado no Centro do Rio de Janeiro.

Ednaldo Rodrigues espera economizar R$13 milhões anuais com as vendas. A entidade vem buscando reformular os custos para investir em outras prioridades.

+ VÍDEO: CBF divulga áudio e imagens do lance polêmico no jogo entre São Paulo e Cuiabá

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos