CBDA ainda acredita em manutenção de parceria com os Correios

A manutenção temporária da parceria garante a realização do Troféu Maria Lenk; A reunião entre a estatal, atletas e Gustavo Licks aconteceu na última quarta-feira

Após o anúncio oficial dos Correios em rescindir o contrato assinado este ano com Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos (CBDA), a entidade anunciou, por meio de uma nota oficial, que o interventor Gustavo Licks terá uma reunião com os dirigentes da estatal.

Nos últimos 11 anos, os Correios colocaram R$ 62 milhões na CBDA. Após as prisões de quatro dirigentes da entidade - incluindo o presidente Coaracy Nunes - pela operação Águas Claras, a estatal optou por acabar com o contrato. Contra o órgão pesam denúncias de superfaturamento, fraude, falta de repasses de recursos a atletas, entre outras questões

Confira, na íntegra, a nota da CBDA:

'A Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos – CBDA vem esclarecer alguns pontos sobre o funcionamento da entidade:

1) O Patrocínio com a Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos há 26 anos faz campeões. Diferente do que foi divulgado em muitos veículos, o atual contrato não foi rescindido. O administrador provisório da entidade, Dr. Gustavo Licks, terá reunião com a diretoria dos Correios na próxima semana. O objetivo do encontro é informar como a Confederação tem caminhado neste período desde a entrada da nova administração e demonstrar a importância destes recursos para a manutenção do esporte. Para além das questões de imagem, existe o aspecto social e a CBDA acredita que a ECT, empresa comprometida com a juventude e a educação, não tem interesse em prejudicar milhares de atletas, técnicos, projetos sociais e demais integrantes da comunidade aquática.

2) Todos os funcionários e colaboradores seguem trabalhando na entidade, comprometidos em não deixar que nada falte aos atletas e membros das delegações. A Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos é uma das entidades esportivas mais vitoriosas do esporte nacional e sempre cumprirá a função de representar e gerir as modalidades, separando as questões administrativas e técnicas de quaisquer outras que não digam respeito a sua função estatutária.'









E MAIS: