Cavani e outros jogadores estariam contra Cristiano Ronaldo no United

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Manchester United
    Manchester United
    Ao VivoHojeAmanhãx--|
  • Cristiano Ronaldo
    Cristiano Ronaldo
    Futebolista português
  • Edinson Cavani
    Edinson Cavani
    Ao VivoHojeAmanhãx--|
Cavani e Cristiano Ronaldo não parecem estar falando a mesma língua no United. Foto: Michael Regan/Getty Images
Cavani e Cristiano Ronaldo não parecem estar falando a mesma língua no United. Foto: Michael Regan/Getty Images

Sem conseguir levar o Manchester United para as primeiras posições da Premier League, Cristiano Ronaldo começa a ser questionado em terras britânicas. Segundo o jornal Daily Express, o clima no vestiário dos Red Devils não anda nada amistoso e alguns jogadores do elenco estariam insatisfeitos com a postura do craque português nesse retorno ao Old Trafford.

A apuração do tradicional tabloide conta que o primeiro a mostrar insatisfação foi o zagueiro Harry Maguire. Capitão do time, o dono da braçadeira não ficou muito feliz em ter perdido a tarja no braço para Cristiano Ronaldo na partida diante do Wolverhampton, pelo Campeonato Inglês.

Leia também:

Mas não é só o defensor britânico que anda com o nariz torcido para o português. Outros dois jogadores andam chateados com a postura de Cristiano Ronaldo. Tratam-se do atacante Edinson Cavani, e o meia-atacante Mason Greenwood.

No caso de ambos, o motivo da chateação seria que após a chegada do craque, eles tiveram menos minutos em campo.

Outro ponto levantado pelo jornal explica que Cristiano Ronaldo estaria dividindo o vestiário com um grupo formado por jogadores que falam português. Nessa lista estariam seus conterrâneos (Bruno Fernandes e Diogo Dalot), além dos brasileiros Alex Telles e Fred.

O caso está nas mãos do técnico Ralf Rangnick, que tenta mediar os desentendimentos e fazer com o que o grupo esteja mais unido. Isso será fundamental para o United seguir brigando pelo título inglês, onde atualmente ocupa a terceira colocação, 11 pontos atrás do líder e rival de cidade Manchester City e principalmente na Liga dos Campeões, onde encara no primeiro mata-mata o Atlético de Madrid, em jogos marcados para o fim de fevereiro e o início de março.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos