Cauã Paixão assina primeiro contrato como profissional do Vasco: 'É o dia mais feliz da minha vida'

·2 minuto de leitura


O Vasco segue fortalecendo sua base e reforçando os elencos em todas as categorias. Com isso, o atacante Cauã Paixão assinou seu primeiro contrato profissional com o clube carioca. O jovem, que nasceu em 2004, firmou um vínculo com o Cruz-Maltino até julho de 2024.

+ Confira e simule a tabela da Série B do Campeonato Brasileiro


- Desde pequeno sempre sonhei em ser jogador de futebol. A bola sempre foi o meu melhor brinquedo. Cheguei ao Vasco em 2018 e comecei a construir este sonho. Hoje, aos 17 anos, assinei meu primeiro contrato profissional. É o dia mais feliz da minha vida. O Vasco é gigante - publicou o jogador em sua rede social.

+ Ricardo Graça assume culpa pelo erro em jogo do Vasco: 'A responsabilidade da derrota é toda minha'


O jovem atleta chegou ao Vasco em 2018, se destacou e ajudou o Sub-15 a conquistar o Campeonato Carioca de forma invicta em 2019. Nesta temporada, ele fez parte da equipe vice-campeã da Copa Rio e do Campeonato Brasileiro sub-17.

+ Após nova derrota do Vasco, Lisca simplifica o discurso: 'Hoje é lamentar e pedir desculpas'

A equipe sub-17 do Vasco fez excelentes campanhas em duas competições importantes, porém não conseguiu o título. O trabalho do técnico Igor Guerra foi elogiado pelo adversário na final do Campeonato Brasileiro, o rival Flamengo. Na Copa do Brasil da categoria, o Gigante da Colina não está presente na disputa nesta temporada.

Por fim, cabe ressaltar que o time estreia na Taça Guanabara da categoria no próximo dia 21 contra o Nova Iguaçu, às 11h, no CT Artsul. Em sequência, no dia 24, o compromisso será contra o Resende, às 13h, fora de casa, no Estádio do Trabalhador.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.
Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos