Castan lamenta derrota do Vasco: 'Manter a cabeça fria e trabalhar'

Castan lamentou a derrota do Vasco para a Cabofriense - #(Foto: Andre Melo Andrade/MyPhoto Press)
Castan lamentou a derrota do Vasco para a Cabofriense - #(Foto: Andre Melo Andrade/MyPhoto Press)


Após a derrota do Vasco para a Cabofriense por 1 a 0, Leandro Castan lamentou o resultado do Cruz-maltino em São Januário. Em entrevista na saída de campo, o capitão tentou explicar a dificuldade da equipe para organizar jogadas em campo.

- Sabemos que é um ano difícil, temos que sempre tentar manter a cabeça fria nesses momentos e ter muita seriedade. Se eu soubesse (o que está dando errado) a gente tinha conversado no vestiário. O time mudou bastante esse ano, estamos começando um novo trabalho. O torcedor quer resultado imediato e ele tem razão. A gente tem que escutar, baixar a cabeça e continuar trabalhando - disse Castan ao "Premiere".

O zagueiro também projetou a semana importante que o Vasco terá pela frente. O Cruz-maltino encara o Botafogo, no próximo domingo, e estreia na Sul-Americana na quarta-feira, contra o Oriente Petrolero.

- Acho que agora é o momento de se olhar no espelho e ver o que podemos melhorar. Sem querer apontar o dedo agora, é o momento de ver o que cada um pode melhorar. Sabemos que quarta-feira que vem temos a Sul-Americana, uma competição internacional e ainda tem o clássico. Vamos continuar trabalhando que as coisas vão melhorar - finalizou o capitão vascaíno.

O resultado complica a vida do Vasco na Taça Guanabara. A equipe está em quarto lugar no Grupo B, com quatro pontos, e estará eliminada em caso de vitória de Volta Redonda ou Madureira neste fim de semana.







Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também