Casagrande e Osman trocam de equipe e defendem R. Mattheis em 2020

FELIPE NORONHA


Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

O mercado de pilotos da Stock Car segue forte para 2020, mesmo antes da decisão da atual temporada dia 15 de dezembro: a Shell realizou mais uma mudança e terá Galid Osman em nova equipe para o próximo ano.

O piloto, que fará sua nona temporada na categoria, defenderá as cores da Shell, tal como neste ano, mas agora na R. Mattheis, que em 2019 teve patrocínio da Prati Donaduzzi e Júlio Campos e Valdeno Brito como dupla. Com a saída da farmacêutica, o espaço se abriu para mudanças.

Osman anotou 108 pontos em 11 etapas na atual disputa e aparece em 19° na tabela de classificação pela Shell Helix Ultra.  "Estou muito feliz de voltar para lá, uma equipe que já conheço. Andei lá em 2017 na equipe irmã, que é igual. Uma equipe que está muito forte esse ano, uma das mais fortes da categoria", comentou Osman, que esteve na A. Mattheis (Ipiranga) anteriormente.

"Em 2017, no meu primeiro e único ano com eles, tive ótimos resultados, com pódio em Tarumã, pole position, larguei várias vezes no Q3. Tenho certeza de que será um grande ano. Quero agradecer a todos da equipe Full Time, ao Maurício Ferreira, a todos os mecânicos. É uma equipe fantástica, estamos encerrando mais um ciclo, mas deixando as portas abertas", completou, se despedindo da parceria entre Full Time e Shell Helix Ultra.

Galid Osman (Foto: Divulgação)

Paddockast # 44

RETROSPECTIVA 2019: MUITO QUE BEM, MUITO QUE MAL


Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM





A Shell já havia anunciado anteriormente duas mudanças: Ricardo Zonta deixa a TMG em 2020 e correrá pela RCM. Já Átila Abreu se muda para a Crown Racing


A Crown, aliás, também está envolvida na novidade do mercado da categoria: é que ela perde Gabriel Casagrande, que será companheiro de Osman na R. Mattheis a partir de março, quando a nova temporada se inicia.

Gabriel Casagrande (Foto: Bruno Terena/RF1)

"Vai ser uma grande honra ter de volta a Shell no nosso time. Tivemos uma parceria entre 2012 e 2016, foram cinco temporadas de muito sucesso, muitas vitórias, e espero representar bem as cores da marca na pista. Representar uma multinacional como a Shell é uma grande responsabilidade, então vamos trabalhar muito duro para colocar o Galid nas primeiras posições", comentou Rodolpho Mathteis, o novo chefe de Osman.


"Tivemos uma experiência com o Galid há dois anos, e foi muito positiva, com pole, briga por vitórias. Já temos um banco de dados dele, e isso vai ajudar a acelerar o processo para conseguirmos ter êxito nessa missão de colocar o Galid o mais à frente possível. Com consistência e regularidade temos tudo para fazer um bom campeonato, pelo menos o colocando no top-10."


"Em relação a 2020, com as mudanças, a expectativa é de que os carros tenham o máximo possível de igualdade entre as duas montadoras. Quando vem uma marca nova, sempre há uma pequena diferença na aerodinâmica, mas o trabalho que a Vicar vem fazendo para equalizar a aerodinâmica será fundamental para termos o mesmo nível de competitividade atual no campeonato. Espero que tenhamos um campeonato com igualdade, estou bastante positivo", finalizou o dirigente. 


Em meio às mudanças, a decisão da Stock Car em 2019 será em Interlagos, no dia 15 de dezembro, com corrida única, mas de pontuação dobrada, e terá cobertura completa do GRANDE PRÊMIO ‘in loco’.


Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo


O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.


Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experiências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.








Leia também