Casagrande critica declarações de Eduardo Sasha sobre briga com Jorge: 'Não pode'

Casagrande repreendeu briga entre Sasha e Jorge (Foto: Reprodução)
Casagrande repreendeu briga entre Sasha e Jorge (Foto: Reprodução)


Os companheiros de time Eduardo Sasha e Jorge, do Santos, se estranharam no último jogo da equipe contra o São Paulo no sábado. Mas a briga parece não ter ficado no campo.

Em uma entrevista coletiva realizada na última segunda-feira, Sasha comentou sobre o assunto e afirmou que não só perdeu o respeito e o carinho pelo lateral-esquerdo, mas que teve vontade de dar um soco na cara de Jorge.

Nesta terça-feira, Walter Casagrande comentou sobre o caso durante a edição de São Paulo do 'Globo Esporte'. Segundo 'Casão', briga entre companheiros durante jogos no futebol é normal, mas que isso não pode ser levado para fora do campo.

- Que isso, gente? isso, no futebol, é normal. Às vezes, tem um jogador mais nervoso que o outro, que epde e encosta, que a briga fica mais forte, mas isso não pode ser levado para fora (do campo) de forma nenhuma. Ninguém leva isso para fora. Eu fui jogar por 13 anos. Eu já fui o cara que reclamou e o cara que recebi a reclamação, até mais rustica, e acaba dentro do vestiário - afirmou.

Entretanto, segundo o comentarista da Rede Globo, Sasha irá se arrepender por ter feito tais declarações de cabeça quente.

- Tudo bem, demora um pouquinho para você ter aquele carinho pela pessoa, mas falar que o carinho e o respeito acabaram, agora, de cabeça quente... Vai se arrepender, pode ter certeza. Vai passar um tempão, o Santos vai voltar a jogar bem, como esta jogando, os dois vão fazer gols e isso vai ficar gravado. Não pode isso - finalizou.








Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Leia também