Universidade do Cartola: raio-x de erros e acertos da 30ª rodada

Yahoo Esportes
Dessa vez teve gol...do Bruno Henrique! Atacante do Flamengo pediu música contra o Corinthians e foi o grande destaque da rodada (Foto: Reuters)
Dessa vez teve gol...do Bruno Henrique! Atacante do Flamengo pediu música contra o Corinthians e foi o grande destaque da rodada (Foto: Reuters)


Por Caíque Toledo

Role para baixo para continuar lendo
Anúncio

Boa segunda, cartoleiro! Chegamos ao fim de mais uma rodada, também de altos e baixos, mas que, de maneira geral, acabou com pontuações consistentes para quem seguiu nossas dicas.

Estamos mantendo uma boa média nas últimas rodadas, e seguimos nesse ritmo alucinante de quarta e sábado. Então, sem perder tempo, vamos analisar o certo e errado deste fim de semana.

Ah, e se prepare: depois de amanhã já tem novas dicas e rodada de novo!

É bom acertar goleiro, né? Quem seguiu nossa dica e escalou Tadeu garantiu uma pontuação incrível neste fim de semana (AGIF)
É bom acertar goleiro, né? Quem seguiu nossa dica e escalou Tadeu garantiu uma pontuação incrível neste fim de semana (AGIF)

Goleiros

Rodada de pontuação altíssima para goleiros. Nossa principal sugestão foi Tadeu, do Goiás, que saiu ainda melhor do que a encomenda. Incríveis 17 pontos, entre saldo de gol e quatro defesas difíceis. Por aqui foi barbara, certo?

Importante também destacar nossa dica de Tiago Volpi, que só não repetiu a pontuação de Tadeu porque levou um cartão amarelo e teve um passe errado.

Sugerimos também Douglas, do Bahia, que fez só duas DD e não passou dos 4.5pts contra o Cruzeiro, e falamos de Santos, que ficou na boa ao fazer seus 8pts diante do CSA.

Maiores pontuadores da rodada: Weverton (Palmeiras, 19pts x Ceará em casa), Tadeu (Goiás, 17pts x Avaí em casa) e Tiago Volpi (São Paulo, 14.7pts x Chapecoense fora de casa)

Acha ruim escalar defensor em clássico? Fala isso pro Geromel, melhor zagueiro do Cartola e que brilhou contra o Inter no fim de semana (Reuters)
Acha ruim escalar defensor em clássico? Fala isso pro Geromel, melhor zagueiro do Cartola e que brilhou contra o Inter no fim de semana (Reuters)

Zagueiros

Normalmente indicamos quatro ou cinco zagueiros por rodada, para que você, entendendo o jogo e nossas dicas, monte o time com base em suas próprias decisões. Então, sejamos justos: nossas sugestões principais não foram as melhores da rodada.

Rafael Vaz tinha tudo para brilhar contra o lanterna Avaí, mas decepcionou. Com absurdos seis passes errados, fez só 4.2pts, menos que o próprio SG. Pelo menos foi melhor que a dupla flamenguista, de Pablo Marí (2.7pts) e Rodrigo Caio (-0.5pts).

Mas falando de coisa boa, nossas outras duas sugestões ficaram entre os melhores pontuadores da rodada: o mito Pedro Geromel, que foi às redes no Grenal deste domingo e foi o segundo melhor zagueiro do fim de semana, e também o paraguaio Gustavo Gómez, na vitória do Palmeiras contra o Ceará (fez 8.5pts, apoiado em uma finalização na trave).

Maiores pontuadores da rodada: Bruno Alves (São Paulo, 15.1pts x Chapecoense fora de casa), Pedro Geromel (Grêmio, 14.5pts x Internacional em casa) e Kannemann (Grêmio, 12.2pts x Internacional em casa).

Dani Alves ainda está irregular em sua readaptação ao Brasil, mas, jogando de novo na lateral, levou só meio tempo para ser o melhor pontuador da rodada na posição (Reuters)
Dani Alves ainda está irregular em sua readaptação ao Brasil, mas, jogando de novo na lateral, levou só meio tempo para ser o melhor pontuador da rodada na posição (Reuters)

Laterais

Nossas opções nas laterais foram um pouco decepcionantes. A começar por Filipe Luis, que acabou nem entrando em campo, poupado pelo mister Jorge Jesus para essa rodada e prejudicando muitos cartoleiros por aí. Entre as indicações que passamos, em termos de pontuação o melhor foi o são-paulino Reinaldo, com 5.9 pontos.

Agora, vamos a um exemplo prático de 'cartolagem'. Muita gente escalou Jorge e Diogo Barbosa, esperando boas pontuações -- o que não aconteceu. Mas aí a diferença: enquanto o palmeirense ficou abaixo do SG que teve, com fracos 4pts, o santista fez 4.4pts mesmo levando gol. Parece bobeira, já que as pontuações foram bem semelhantes, mas deixa claro o conceito que tentamos passar ao falar de Cartola.

Maiores pontuadores da rodada: Daniel Alves (São Paulo, 13.3pts x Chapecoense fora de casa), Bruno Cortez (Grêmio, 11.9pts x Internacional em casa) e Juanfran (São Paulo, 10.2pts x Chapecoense fora de casa)

O baixinho do Santos deitou e rolou na goleada contra o Botafogo na Vila, com dois gols e uma bola na trave (Reuters)
O baixinho do Santos deitou e rolou na goleada contra o Botafogo na Vila, com dois gols e uma bola na trave (Reuters)

Meias

Rodada difícil, também, no meio-campo: nossos favoritos de quase sempre, Carlos Sánchez e Arrascaeta contribuiram com uma assistência cada, mas não passaram muito disso, ficando nos 6.5pts e 5.6pts, respectivamente.

Nas nossas demais dicas, destaque para Thiago Neves, que fez seus 7.3pts com a assistência para o gol de Sassá no empate diante do Bahia. Quem 'cartolou' bem foi Nikão, que fez 5.8pts sem nenhuma pontuação grande (gol, assistência ou roubadas de bola), enquanto outro escalado nosso, Gustavo Scarpa, passou despercebido na vitória magra palmeirense, fazendo apenas 0.4pts.

Se deu melhor quem teve a sorte de escolher meias que fizeram um ou dois gols -- principalmente Soteldo, o mais 'escalável' de todos eles.

Maiores pontuadores da rodada: Gabriel Dias (Fortaleza, 20.5pts x Atlético-MG em casa), Soteldo (Santos, 20pts x Botafogo em casa) e Vitor Bueno (São Paulo, 11.6pts x Chapecoense fora de casa)

Joia do São Paulo, Antony fez uma partida bastante consistente contra a Chapecoense, marcando um golaço e ainda dando uma assistência (Reuters)
Joia do São Paulo, Antony fez uma partida bastante consistente contra a Chapecoense, marcando um golaço e ainda dando uma assistência (Reuters)


Atacantes

Primeiro vamos falar do homem da rodada. Talvez ninguém esperasse três gols, mas deixar Bruno Henrique de fora dessa rodada era um erro difícil de cometer. Com raríssimas exceções, o Flamengo vem atropelando todo mundo, e não foi diferente contra o Corinthians. Sem Gabigol, suspenso, coube ao camisa 27 ser o centro das atenções e brilhar. Não deixou de fora, né?

O resto foi um pouco decepcionante. Dudu foi capitão de muita gente e passou longe de brilhar, tendo apenas uma finalização contra um Ceará misto, e ficando nos poucos 3.3pts. Pior ainda com Michael, que, se na rodada passada mitou contra o líder, nessa decepcionou contra o lanterna e ficou nos 2.1pts.

Também indicamos o craque Everton, e Cebolinha, como de costume, esteve um primor: 9.9pts sem gol ou assistência, mostrando porque sempre tem que ser uma opção no seu time. Já Rony, do Athletico, passou longe de uma boa atuação e praticamente zerou diante do CSA.

Fica aqui o parabéns para quem escolheu o são-paulino Antony ou alguém da dupla santista entre Marinho e Eduardo Sasha.

Maiores pontuadores da rodada: Bruno Henrique (Flamengo, 22.1pts x Corinthians em casa), Antony (São Paulo, 15.7pts x Chapecoense fora de casa) e Marinho (Santos, 15.3pts x Botafogo em casa)

* Caíque Toledo é jornalista, trabalha diretamente com futebol desde 2015 e joga Cartola desde 2006, ficando duas vezes no Top100 e com melhor desempenho em 23º na liga nacional em 2013. Faz parte do projeto da Universidade do Cartola, o @universidadedocartola no Instagram.

Leia também