Cartão colecionável de Tom Brady é vendido por valor recorde de R$ 13 milhões

LANCE!
·1 minuto de leitura


Um card autografado de Tom Brady se tornou o cartão de futebol mais caro da história. A souvenir da primeira temporada do quarterback na NFL foi leiloada pela "Lelands Auctions" por mais de dois milhões de dólares, quase R$ 13 milhões. A carta é do modelo "Playoff Contenders", uma edição especial da pós-temporada que tem apenas 100 unidades impressas, além de ser autografada pelo atleta e do primeiro ano de Brady na liga.

> Confira as classificações atualizadas dos campeonatos estaduais e simule os resultados do seu time!

O card foi avaliado em 8,5 de 10, significando que ela é rara, está em bom estado de conservação e é original. O autógrafo também recebeu uma avaliação alta, de nove pontos. O que também aumentou o valor da carta foi o fato dela ser numerada 99 das 100 que foram impressas. O vendedor comprou a souvenir no site E-Bay, a cerca de dez anos.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

A carta de futebol americano que ocupava o posto de mais cara também era do Tom Brady e foi vendida por cerca de R$ 7 milhões. Já o card mais caro já vendido, de qualquer esporte, foi do jogador de beisebol Micky Mantle, ídolo dos New York Yankees.